Avenida Dr. Leonardo Coimbra vai ter troço com sentido único e menos estacionamento

A Avenida Dr. Leonardo Coimbra, uma das mais importantes de Felgueiras, vai ter apenas um sentido de trânsito, na zona mais próxima do centro, e contará com menos lugares de estacionamento, informou hoje o presidente da câmara.

Falando em reunião do executivo realizada na antiga sede da Junta de Freguesia de Lagares, Nuno Fonseca referiu que a obra para aquela artéria, já iniciada, no âmbito do Plano de Mobilidade Urbana Sustentável, prevê que no troço entre o hotel e a Praça da República o trânsito se faça apenas num sentido, devendo parte da atual área disponível ser ocupada por zonas de peões e ciclovias. No resto da avenida, frisou o presidente, a circulação vai manter-se nos dois sentidos.

Nuno Fonseca explicou o projeto à oposição numa reunião de câmara realizada na antiga sede da Junta de Freguesia de Lagares
Nuno Fonseca explicou o projeto à oposição numa reunião de câmara realizada na antiga sede da Junta de Freguesia de Lagares

A questão foi suscitada pelo vereador do PSD, João Sousa, que questionou Nuno Fonseca sobre o que disse ser alguma insatisfação da população face ao que está perspetivado para aquela avenida, no contexto da empreitada de remodelação.

O autarca da oposição quis saber, também, se a intervenção implicava a supressão de lugares de estacionamento, como receiam moradores e comerciantes, uma vez que se trata de uma das ruas com mais comércio e serviços no centro de Felgueiras.

 

NUNO FONSECA LEMBRA HAVER UM PARQUE DE ESTACIONAMENTO PÚBLICO A MENOS DE DOIS MINUTOS DA AVENIDA

 

Nuno Fonseca admitiu que haverá menos lugares para estacionamento, que passarão dos atuais 140, para os 110, sublinhando que essa alteração decorre da natureza da obra, sem a qual, anotou, não haveria financiamento, o que obriga à disponibilização de ciclovias, diminuindo assim o espaço de aparcamento de automóveis. Referiu, também, que o modelo adotado vai de encontro ao que “se pretende para uma cidade moderna”, que “prioriza os peões e a mobilidade sustentável”.

O chefe do executivo anotou, por outro lado, que a preocupação com o estacionamento também explica o facto de parte da avenida, no contexto desta empreitada, passar a contar apenas com um sentido de trânsito (no troço final), para comportar mais lugares para o parqueamento de viaturas.

Nuno Fonseca observou depois que a cidade está dotada de um parque de estacionamento subterrâneo, com boa capacidade, a poucos minutos a pé daquela avenida, que pode e deve constituir uma alternativa aos lugares à superfície.

Acrescentou, a propósito, que o município admite estudar um modelo que permita baixar os preços daquele parque, propriedade da autarquia, mas concessionado a um privado, para reforçar a sua atratividade.

 

PSD DIZ QUE ANTEPROJETO SOCIAL-DEMOCRATA PREVIA DOIS SENTIDOS PARA TODA A EXTENSÃO DA AVENIDA

 

O vereador da oposição lamentou, por seu turno, que o atual executivo (PS/Livre) tenha alterado o anteprojeto que a autarquia tinha preparado, no anterior mandato, de maioria PSD, para candidatar a obra a financiamento.

João Sousa recordou que no modelo preconizado pelos social-democratas estava garantido que a avenida tivesse dois sentidos de trânsito, em toda a extensão.

 

PRESIDENTE QUER DESTACAR FELGUEIRAS NA REGIÃO NO DOMÍNIO DA MOBILIDADE SUSTENTÁVEL

 

O presidente disse “assumir por inteiro” a opção tomada, reforçando haver outras obras em curso ou programadas para a área urbana que seguem a mesma filosofia de mobilidade sustentável, domínio em que Felgueiras no futuro se quer destacar no contexto da região, anotou.

Avenida Dr. Leonardo Coimbra3

A remodelação da Avenida Dr. Leonardo Coimbra vai contar com um investimento de cerca de 1,1 milhões de euros. O arruamento vai ser profundamente alterado, com novos pavimentos, passeios mais largos e ciclovias, para além de modernização da iluminação pública e mobiliário urbano.

O projeto vai ser formalmente apresentado, na sexta-feira, às 18:00, em sessão pública, nos paços do concelho.