Barrosas quer vencer Baião para fugir aos adversários mais diretos

O Barrosas recebe, domingo, o Baião, em partida a contar para a jornada 25, da Associação de Futebol do Porto, divisão de elite – pro-nacional.

O diretor desportivo do Barrosas, Alfredo Jorge, na antevisão ao encontro, defendeu que é necessário a equipa regressar aos golos e às vitórias.

“Depois do empate com o Padroense (1-1), era importante que o Barrosas conseguisse um resultado positivo com o Baião, uma equipa que empatou o último encontro com o Perafita (0-0) e quer, também, pontuar para não cair nos últimos lugares”, afirmou.

Ao Expresso de Felgueiras, Alfredo Jorge referiu que o empate com o Padroense, na última jornada, deixou a formação de Felgueiras moralizada e com vontade de fazer melhor no jogo de domingo para fugir aos adversários diretos como o  Vila Meã e o Grijó, ambos com 27 pontos.

“Acredito que a jogar em casa, com o apoio dos adeptos, a equipa vai regressar ao caminho das vitórias e a falta eficácia que nos tem faltado, noutros jogos, não vai repetir-se”, frisou, salientando que no próximo dia 6 de março, o Barrosas joga com o Oliveira do Douro, formação que está no 7.º lugar com 34 pontos.

“Queremos vencer os próximos jogos para reforçar a nossa posição na tabela”, assumiu.

Alfredo Jorge destacou, por outro lado, que nos últimos jogos, a falta de eficácia da formação felgueirense associada à falta de sorte num ou noutro jogo, não tem ajudado a formação orientada por Carlos Monteiro.

“Entramos nos jogos sempre com o objetivo de dar o nosso melhor e vencer. Quando não conseguimos concretizar em golo as oportunidades criadas é evidente que ficamos insatisfeitos”, frisou, salientando que o Barrosas tem vindo a trabalhar bem pelo que os resultados vão acabar por surgir.

“A equipa está coesa, o plantel tem vindo a trabalhar e focado em vencer os próximos encontros” afirmou.

O Barrosas está em 12.º lugar, com 28 pontos enquanto o Baião é 15.º, com 23 pontos.