Câmara de Celorico de Basto vai ajudar munícipes com salários baixos

A Câmara de Celorico de Basto anunciou hoje pretender envolver parceiros privados num projeto de apoio aos munícipes que têm trabalho, mas auferem de baixos rendimentos, avançou hoje à Lusa o presidente da autarquia.

“É um projeto inovador que vai de encontro às necessidades daqueles que trabalham, mas auferem de baixos rendimentos, ainda mais reduzidos após pagamento da alimentação e do transporte para o trabalho”, explicou Joaquim Mota e Silva.

O projeto vai designar-se “Celorico Mais Rendimento” e pretende proporcionar facilidade no apoio aos transportes públicos, cantinas sociais, isenção de pagamento em infantários e escolas e outros benefícios articulados com os parceiros do setor privado aderentes.

A empresa municipal Qualidade de Basto será parceira na implementação das medidas de apoio.

Numa primeira fase, assinala a autarquia, técnicos do Município deslocar-se-ão às empresas locais para proceder à inscrição dos atuais trabalhadores que potencialmente possam beneficiar dos apoios desta nova medida social.

“Queremos que estas pessoas, que recebem salários baixos, se sintam apoiadas e atraídas para trabalhar, com um conjunto de benefícios que lhes permitam um maior rendimento disponível no final do mês”, assinalou o presidente da Câmara.

Se os serviços da autarquia verificarem que a pessoa inscrita tem direito aos apoios previstos, ser-lhe-á entregue o cartão de identificação “Celorico Mais Rendimento”.

A nova medida também representa, acrescentou o presidente, um estímulo para que os desempregados procurem as oportunidades de emprego, ao mesmo tempo que a Câmara prossegue com a política de apoio à instalação de indústrias nos parques industriais que tem garantido mais postos de trabalho.

O projeto será apresentado formalmente em cerimónia publica a realizar na quinta-feira, às 15:00, na Zona Industrial de Carvalho.

 

APM // JGJ

Lusa/fim