“Capicua” atua na Casa das Artes de Felgueiras

O evento está inserido no projeto “A Juventude marca o Ritmo”, que a Câmara de Felgueiras, em parceria com a ACLEM, está a promover com o objetivo de incentivar os jovens a participar nas atividades culturais do concelh

Lusa

A Casa das Artes de Felgueiras acolhe, na sexta-feira, um espetáculo com a participação de “Capicua”, informou fonte da autarquia.

“Capicua é Ana Matos Fernandes. Nascida no Porto, cresce a gostar de rimas e de palavras ditas ao contrário. Com 15 descobre o Hip Hop, primeiro pelos desenhos nas paredes, depois pelas rimas em cassetes, até chegar aos microfones. Algures entre a escola e a universidade, do Porto para Lisboa, estuda sociologia e faz um doutoramento em Barcelona”, lê-se numa biografia da artista que editou o seu primeiro álbum em nome próprio e consegue atingir novos públicos, surpreender a crítica e ganhar destaque nas mais prestigiadas listas de melhores discos do ano.

O espetáculo de “Capicua” na Casa das Artes está inserido no projeto “A Juventude marca o Ritmo”, que a Câmara de Felgueiras, em parceria com a ACLEM, está a promover com o objetivo de incentivar os jovens a participar nas atividades culturais do concelho.
Os espetáculos decorrem uma vez por mês e têm início às 21:30.

Nos últimos dois anos Ana Matos Fernandes “Capicua” que, esta sexta-feira atua na Casa das Ares de Felgueiras, editou uma nova mixtape, desta vez com beats de Kanye West (“Capicua goes West”), e um segundo LP, “Sereia Louca” (ou serei a louca, se quiserem), em Março de 2014 pela Norte Sul.

“Este trabalho precipita uma longa lista de concertos pelos principais palcos e festivais do país, faz crescer um público cada vez mais diverso, consolida e aprofunda o respeito dos pares e da crítica, confirmando o lugar de Capicua como um dos maiores talentos da nova música portuguesa e uma das mais incontornáveis artistas da sua geração”, salienta-se na nota biográfica.

Note-se que no início deste ano Capicua apresenta um novo trabalho denominado “Medusa”, um disco de remisturas com dois temas originais, em que marcam presença alguns dos mais estimulantes projectos de Hip Hop e da actual música urbana de raiz electrónica.