Está em
Início > Destaque > Celorico de Basto define perfil de desempregados para ajudar a encontrar emprego

Celorico de Basto define perfil de desempregados para ajudar a encontrar emprego

A Câmara de Celorico de Basto, através do programa “CLDS 3G”, está a promover um conjunto de sessões para definir o perfil profissional de desempregados e criar uma base de dados que irá ajudar na procura de emprego, informou fonte da autarquia.

As primeiras ações decorreram nas instalações da Câmara Municipal de Celorico de Basto e permitiram dar a conhecer um programa que trabalha baseado sobretudo, em três eixos de intervenção, sendo que, nestas ações o destaque incidirá no eixo 1 que se direciona ao emprego, formação e qualificação.

A abertura das sessões é da responsabilidade da coordenadora da Ação Social e Saúde do município de Celorico de Basto, Helena Martinho, que apresenta todos os serviços sociais do município incidindo na necessidade de programas inclusivos e facilitadores na procura de emprego.

“Estamos muito bem apetrechados no que respeita a serviços de proximidade de cariz social e de saúde. Procuramos dar respostas céleres aos mais desprotegidos e temos como objetivo principal a inclusão. Este programa que hoje vos será apresentado, o CLDS 3G, é o reflexo dessa necessidade, é um programa que procura “dotar de competências” os desempregados para as melhores técnicas de procura de emprego” disse, citada em comunicado.

A apresentar o CLDS 3G, Manuel Maria Afonso, coordenador do programa, salientou a necessidade de cada desempregado dispor de um Perfil Profissional atualizado.

“Temos muitos desempregados com capacidades que os mesmos desconhecem. São, muitas vezes, capacidades intrínsecas que não são valorizadas e que podem, na hora da apresentação, fazer toda a diferença. É nosso objetivo, depois destas apresentações coletivas, desenvolver atendimentos individuais onde cada um terá a oportunidade de definir o seu Perfil Profissional. O CLDS 3G procurará atuar por forma a munir os desempregados com várias competências para que seja mais fácil inseri-los no mercado de trabalho” disse.

Os dados recolhidos destes desempregados serão inseridos numa base de dados o que facilitará a contratação junto das empresas.

Estas ações acontecem em parceria com o Instituto de Emprego e Formação Profissional e o Gabinete de Inserção Profissional (GIP) sedeado no edifício da Câmara Municipal.

Antes das ações individuais estão previstas mais sessões de apresentação coletiva pelo concelho mais propriamente nas instalações das juntas de freguesia.

Top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com