Está em
Início > Destaque > Ex-presidente da Câmara de Felgueiras Inácio Ribeiro suspendeu mandato de vereador

Ex-presidente da Câmara de Felgueiras Inácio Ribeiro suspendeu mandato de vereador

O ex-presidente da Câmara de Felgueiras, Inácio Ribeiro (PSD), suspendeu o mandato de vereador da oposição, para o qual foi eleito nas autárquicas de 01 de outubro, disse hoje à Lusa fonte autárquica

Inácio Ribeiro comunicou ao executivo, na primeira reunião de câmara após as eleições, que suspendia o mandato pelo período de 180 dias, alegando “razões pessoais”.

O ex-presidente social-democrata, que governava o concelho desde 2009, perdeu as eleições de 01 de outubro para o independente Nuno Fonseca, eleito pela coligação PS/Livre.

Com aquela decisão, o lugar de vereador deixado vago no órgão foi ocupado por Adelina Silva, que ocupava o quinto lugar da lista da coligação PSD/PPM.

Face à suspensão de mandato do antigo presidente, vai caber ao ex-vice-presidente, João Sousa, a função de liderar a oposição neste mandato autárquico.

Na primeira reunião, realizada na segunda-feira, o executivo aprovou a delegação de competências no presidente da câmara e tomou conhecimento da demissão dos dirigentes das empresas municipais.

 

António Faria é o chefe de gabinete da presidência

Para o cargo de chefe de gabinete da presidência foi nomeado António Faria. O lugar de adjunto vai ser desempenhado por Fernando Freitas e o cargo de secretária foi confiado a Irene Fonseca, que já tinha aquelas atribuições com Inácio Ribeiro.

Em declarações à Lusa, o novo presidente da autarquia, que tomou possa na quarta-feira, afirmou hoje que estes primeiros dias têm sido marcados por várias reuniões de trabalho com os vários departamentos do município para se inteirar dos principais dossiês, incluindo a situação financeira da câmara.

O momento da posse do novo presidente da Câmara
O momento da posse do novo presidente da Câmara

Nuno Fonseca lamentou que do anterior executivo não tenha havido espírito de colaboração, nomeadamente reuniões entre os autarcas cessantes e os que foram eleitos a 01 de outubro, o que, reconheceu, dificulta bastante a fase atual.

 

Novo presidente elogia espírito de colaboração dos funcionários municipais

Apesar disso, frisou, “o trabalho está a ser feito com normalidade e com espírito de colaboração dos funcionários”, o que abre “ótimas perspetivas para o futuro”.

“Estamos aqui para trabalhar com todos, a bem de Felgueiras, isso é que importa”, destacou, prometendo que, em breve, serão reveladas novidades que “agradarão a muitos felgueirenses”.

APM // MSP

Lusa/fim

Top