FC Felgueiras prepara equipa sénior feminina para defrontar II divisão nacional

O Futebol Clube de Felgueiras está a preparar, para a próxima época desportiva, uma equipa de futebol sénior feminino, destinada a jovens a partir dos 16 anos.

As captações já estão a ser efetuadas e, de acordo com Leonel Costa, presidente do clube, “são muitas as inscrições”.

Ao Expresso de Felgueiras, o dirigente revelou que, numa primeira fase, “não será avaliado quem joga bem e quem joga mal”, o objetivo é formar uma equipa para competir na segunda divisão nacional.

A equipa de Felgueiras irá juntar-se ao futebol feminino das equipas de Lousada e de Freamunde, sendo as únicas na região do Tâmega e Sousa.

Leonel Costa gostaria de ver a equipa composta, maioritariamente, com jogadoras de Felgueiras, mas avançou que têm recebido contactos de atletas de vários locais e equipas formadas.

“Vamos aguardar até ao final da época para ver com que atletas podemos contar”, disse.

Aquele dirigente, que se manifestou entusiasmado com o novo projeto do clube, revelou, por outro lado, estar preocupado com o campo que as atletas irão utilizar para os jogos e treinos.

“O Estádio Dr. Machado de Matos tem relvado natural e está condicionado a um determinado número de treinos e jogos por semana”, explicou Leonel Costa, que adiantou que o clube tem reunido com a Câmara Municipal para “encontrar uma solução”.

O clube tem atualmente cerca de 300 atletas, integrados em 10 equipas de formação e duas equipas seniores, a equipa principal e a equipa B.

Os treinos decorrem na zona desportiva de Felgueiras, mas, segundo o presidente do  Felgueiras, “o relvado sintético está tem má qualidade e o espaço fica rapidamente congestionado devido ao grande número de equipas a procurá-lo”.

A solução, aponta Leonel Costa, “passa por colocar relvado sintético no campo de treinos junto ao estádio”.

O dirigente acredita que o clube e a autarquia de Felgueiras “encontrarão uma solução”, vincando que o que não quer “é andar com a casa às costas”:

Leonel Costa revelou ainda ao Expresso de Felgueiras que nova equipa “irá dar um impulso no associativismo e captar novos sócios para o clube”.