Felgueiras estreia “Praça das Artes” com dezenas de eventos culturais ao ar livre (C/ÁUDIO)

Dezenas de espetáculos de música, teatro, cinema e eventos de poesia, pintura, dança, ópera, escultura e desporto vão integrar, de 2 de julho a 05 de agosto, a iniciativa “Praça das Artes”, hoje apresentada em Felgueiras.

 

 

“A Praça das Artes é um projeto de caráter lúdico, pedagógico, desportivo e cultural que promove a dinamização urbana, dá vida ao concelho de Felgueiras e mobiliza a comunidade”, assinalou a organização.

Música Praça das Artes
Animação musical no momento da apresentação do evento

 

Com organização da empresa municipal ACLEM, as várias atividades vão decorrer em Felgueiras e na Lixa, ocupando duas das principais praças, de ambas as cidades do concelho.

Apresentação Praça das Artes

 

É a primeira vez que Felgueiras dinamiza um programa de atividades culturais tão vasto e diversificado.

Na sede do concelho, a localização escolhida foi a Praça Dr. Machado de Matos, onde hoje decorreu a apresentação, um espaço central que a autarquia quer dinamizar e onde já está a instalar vários equipamentos de lazer.

Praça das Artes ecrã gigante
O espaço onde poderão ser vistos os jogos de Portugal no mundial de futebol

 

Nesse espaço, a autarquia vai disponibilizar à população divertimentos aquáticos, um campo de jogos relvado, insufláveis, esculturas de areia, espaços de ateliers de pintura, matraquilhos, um labirinto e um ecrã gigante para transmissão dos jogos do mundial de futebol, para além do palco onde vão decorrer oito concertos musicais.

Praça das Artes divertimentos
Alguns divertimentos já se encontram no local

 

O programa de animação cultural, com atividades diárias, é ambicioso, como reconhece a autarquia de Felgueiras, mas espera-se a adesão da população, dos vários escalões etários, correspondendo à diversidade de estilos e artes.

 

“A Praça das Artes quer contribuir para tornar o nosso município mais alegre”

 

Simpósios e conversas de escultura, pintura e literatura também estão previstos com a presença de nomes importante do panorama das artes em Portugal. O mercado da poesia será outro momento alto do evento, com a participação de autores consagrados e apresentação de livros.

O cinema também estará em destaque com a projeção de vários filmes clássicos, nas duas cidades do concelho.

Ama Medeiros
Vereadora da Cultura, Ana Medeiros

 

Na apresentação do evento, a vereadora da Cultura, Ana Medeiros, referiu-se à Praça das Artes como “uma festa pensada para os felgueirenses”, de todas as idades.

“A Praça das Artes quer contribuir para tornar o nosso município mais alegre”, afirmou, quando apresentava o projeto.

O primeiro Festival de Dança da Felgueiras, sessões de fogo de artifício na abertura e encerramento, a representação do Auto da Barco do Inferno e a possibilidade de a população poder interagir, ao longo do programa, com artistas convidados foram outros pontos do programa destacados pela autarca.

“Os artistas vão decorar o nosso verão”, reforçou.

Em declarações aos jornalistas, o presidente da Câmara, Nuno Fonseca, destacou a importância de a iniciativa dinamizar “um espaço que estava subaproveitado” na cidade de Felgueiras.

“Entendemos que conciliar as artes e a cultura num espaço ao ar livre faria todo o sentido”, acrescentou, enquanto reafirmava o desejo de a Praça Dr. Machado de Matos poder ter “uma maior dinâmica” no futuro e que possa ser desfrutada pela população.

 

“Queremos que seja uma praça aberta à comunidade”

 

O chefe do executivo prometeu que, a partir do dia 02 e julho, todos os equipamentos e atividades no âmbito deste projeto estarão à disposição dos munícipes.

“Queremos que seja uma praça aberta à comunidade e que isto seja um incentivo para criar nos mais novos uma maior raiz cultural. Estamos certos que vai correr bem”, concluiu.

APM // MSP

Lusa/fim