FUTEBOL: Campeonatos da AFP arrancam no fim-de-semana

O tiro de partida nos campeonatos da Associação de Futebol do Porto (AFP) que, esta época, surgem com várias alterações em relação ao formato apresentado na temporada anterior, acontece no fim de semana.

A Divisão de Elite, que até aqui era disputada por 28 clubes, passa a ser constituída por 32 equipas, divididas em duas séries.

A remodelação da Divisão de Honra foi ainda mais acentuada. A prova deixou de ter apenas uma série de 16 equipas, tendo sido alargada para duas séries, com 32 clubes no total.

A subida via administrativa de diversos clubes à Honra abriu um conjunto de vagas na 1ª Divisão, que foram preenchidas por emblemas da 2ª distrital que, na época passada, tinham ficado fora dos lugares de promoção.

É com este cenário que arranca mais uma temporada futebolística na maior associação do país.

DIVISÃO ELITE – SÉRIE 2 | 1ª Jornada

Na Divisão de Elite – Série 2, a 1ª jornada contempla um dérbi concelhio: o Aliados de Lordelo – Paredes. As duas equipas vão defrontar-se pela terceira vez em 3 semanas, depois de terem medido forças para a 1ª eliminatória da Taça AFP, prova na qual os lordelenses têm revelado já estar em excelente momento de forma.

Para além do Paredes, a formação comandada por Pedro Barroso já afastou, entretanto, o Rebordosa, na 2ª ronda. Por isso, o Aliados, que terá ainda o fator casa do seu lado, entrará no dérbi com uma ligeira dose de favoritismo.

A jornada inaugural terá ainda dois dérbis da região: o Rebordosa – Lixa e o Paços de Ferreira B – Nun’Álvares.

Na época passada, Rebordosa e Lixa qualificaram-se para a fase de subida, por isso, esta temporada integram o lote dos favoritos a entrar na discussão pela promoção aos campeonatos nacionais.

No entanto, as duas equipas vão entrar em campo com estados de ânimo antagónicos: os rebordosenses ainda a curar as feridas pela recente eliminação na Taça AFP, aos pés do rival Aliados; os lixenses motivados pela expressiva vitória, para a mesma competição, na casa do vizinho Barrosas.

O Paços de Ferreira B – Nun’Álvares será o jogo de debutantes na Elite. Os “castores” participam pela primeira vez em provas distritais com uma formação secundária, que estará cargo de dois antigos jogadores do clube, Filipe Anunciação e Pedrinha.

A equipa de Recarei também vai estrear-se no principal escalão da AFP, mas mantém no plantel grande parte dos jogadores da época passada e o experiente treinador José António Moreira.

O Penafiel B também fará a estreia na competição. Os rubro-negros, comandados por Hugo Neto, deslocam-se ao reduto do Vilarinho.

Barrosas e Vila Meã, duas das equipas que mais e melhor se reforçaram durante o defeso, iniciam o campeonato dentro de portas. Os felgueirenses recebem o Tirsense, enquanto os amarantinos medirão forças com o recém-promovido Ermesinde. Quer Barrosas, quer Vila Meã apostaram nos técnicos da temporada anterior, Tonanha e Paulo Amor, respetivamente.

O Baião, agora sob a orientação de Filipe Teixeira, vai ao terreno do estreante Folgosa da Maia. Expetativa em relação ao que pode valer o conjunto baionense, depois de ter sofrido uma autêntica razia no plantel sensação da época passada.

A 1ª jornada da Divisão de Elite AFP contempla ainda o duelo entre Sobrado e São Pedro da Cova.

DIVISÃO HONRA – SÉRIE 2 | 1ª Jornada

Na Divisão de Honra – Série 2, a ronda inaugural arranca no sábado com a receção do Felgueiras B ao Ataense. A equipa azul grená, agora comandada por Sérgio Gameiro, é das favoritas a entrar na luta pela subida.

No domingo, três dérbis vão concentrar as atenções na região: Vila Caiz – Alpendurada, Lousada – Águias de Eiriz e Rio de Moinhos – Citânia Sanfins.

O Vila Caiz – Alpendurada colocará frente a frente dois clubes que desiludiram na época passada. Os amarantinos terminaram abaixo da linha d’água e só evitaram a descida porque beneficiaram do alargamento da prova. Os marcuenses foram mesmo despromovidos da Elite.

O Vila Caiz foi das equipas que mais se reforçou na pré-temporada. O plantel foi construído praticamente de raiz e terá Renato Coimbra (ex-Baião) como timoneiro. O Alpendurada perdeu algumas das principais pedras do anterior plantel e será comandado por João Paulo Teixeira (ex-Marco-09).

Lousada e Águias de Eiriz voltam a digladiar-se pela terceira vez no espaço de uma semana. Será uma espécie de tira-teimas, depois de dois jogos para a Taça AFP, que se revelaram equilibrados.

Os rubro-negros venceram na 1ª mão (2-1), os pacenses na 2ª (3-2), tendo sido necessário recorrer a penáltis para decidir a eliminatória, que acabou favorável ao Eiriz. Por isso, o duelo deste domingo é de resultado imprevisível.

O Rio de Moinhos – Citânia de Sanfins também é jogo de tripla. As duas equipas não tiveram uma boa prestação na Taça e foram eliminadas logo na 1ª ronda.

Os penafidelenses tombaram perante o Vila Caiz, mas deram boa réplica, empatando o primeiro jogo em casa (1-1) e perdendo fora, apenas por 1-0. Já os pacenses foram derrotados nos dois desafios com o rival e vizinho Eiriz (1-0 e 1-2).

Dos clubes da região que integram a série 2 da Divisão Honra, falta apenas referir o Aparecida, que deslocar-se-á ao reduto do Alfenense.

1ª DIVISÃO – SÉRIE 2 | 1ª Jornada

Na 1ª Divisão AFP – Série 2, a prova arranca no sábado com o embate entre o Lousada B e o Roriz. No dia seguinte, realizam-se os restantes jogos, todos entre clubes da região.

Nota de maior destaque para o Marco-09, assumido e principal candidato à subida de divisão. A equipa encarnada jogará em Lousada, diante do Nevogilde.

Os restantes jogos são estes: Várzea – Sobrosa, Raimonda – Torrados, Salvadorense – Lagares, Caíde de Rei – São Lourenço Douro, Parada – Frazão e Livração – Lamoso.

Todas as partidas estão agendadas para as 17:00.

O pontapé de saída na 2ª Divisão AFP acontece apenas a 30 de setembro.

 

Luís Miguel Nogueira