Está em
Início > Áudio > FUTEBOL: Rescaldo da jornada do fim-de-semana (C/ÁUDIO)

FUTEBOL: Rescaldo da jornada do fim-de-semana (C/ÁUDIO)

 

DIVISÃO ELITE – FASE MANUTENÇÃO/SÉRIE 2 | 11ª Jornada

O FC Alpendurada não conseguiu evitar a despromoção à Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto (AFP). A vitória (1-0) na receção ao Gondomar B, na última jornada da Divisão de Elite, foi insuficiente para a equipa de Marco de Canaveses assegurar a permanência.

Os azuis e brancos necessitavam ainda de um deslize do Vilarinho, o que acabou por não acontecer. A formação do concelho de Santo Tirso também ganhou em Paredes, por 0-1.

Paulo Silva, que orientou o Alpendurada nos últimos 6 jogos da época, considera que “a falta de sorte” e “alguns erros individuais” ajudam a explicar o desenlace negativo da temporada.

Ao invés, o Vilarinho salvou-se da descida e com a vitória no reduto paredense ultrapassou mesmo o Vila Meã na tabela, aproveitando a folga do clube amarantino nesta jornada.

O Tirsense acabou a temporada no 1º lugar da fase de manutenção, apesar da derrota em Lordelo, com o Aliados (2-0). A formação lordelense somou a 5ª vitória consecutiva e fechou a época no 4º posto.

O Baião foi ganhar a São Pedro da Cova (0-1) e garantiu a 2ª posição. O treinador Renato Coimbra diz que os baionenses realizaram uma temporada “brilhante”.

“Foi uma época que será inesquecível e memorável. Esta equipa vai deixar saudades em Baião. Estes jogadores são os campeões da simplicidade”, elogiou.

O Baião fechou o campeonato com 38 pontos somados, mais um do que o Barrosas que, em casa, bateu o Sobrado, por 2-1.

 

PLAY-OFF SUBIDA – 2ª DIVISÃO | 6ª Jornada

Salvadorense e Aldeia Nova asseguraram, na última jornada do play-off de subida da 2ª Divisão, o primeiro lugar dos respetivos grupos e vão digladiar-se pelo título de campeão no próximo domingo.

Na série 1, ao Salvadorense bastaria um ponto para garantir o 1º posto, mas a equipa amarantina não facilitou e foi a Vila Nova de Gaia bater o São Félix da Marinha, por 1-2.

Os comandados de Rui Matos terminaram a fase decisiva da competição sem qualquer derrota. O treinador atribui todo o mérito pelo sucesso “aos jogadores que compreenderam aquilo que era pretendido pelo clube”.

O Salvadorense finalizou a prova com 14 pontos, 4 de vantagem sobre o Torrados, 2º classificado, que empatou (2-2) em Raimonda.

Na série 2, o Aldeia Nova, emblema do concelho de Matosinhos, garantiu a 1ª posição, mercê do empate (1-1) alcançado no reduto do AC Milheirós.

A igualdade dos matosinhenses não foi aproveitada nem por Parada, nem por Marco-09. O confronto entre os dois clubes também terminou empatado a 2 golos.

O coletivo de Marco de Canaveses fechou a competição com os mesmos pontos do Aldeia Nova (9), mas a desvantagem no confronto direto relegou os encarnados para o 2º lugar. O Parada foi 3º classificado, com 8 pontos.

O título de campeão da 2ª Divisão AFP será discutido, no domingo, entre Salvadorense e Aldeia Nova.

Apesar de tudo, todos os 8 clubes que disputaram o play-off de subida garantiram o acesso à 1ª divisão, alguns deles beneficiando da alteração dos quadros competitivos da AFP.

 

Luís Miguel Nogueira

Top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com