Mário Guimarães ainda não decidiu se fica ou sai da equipa B do Felgueiras

Mário Guimarães não dá como garantida a sua continuidade no comando técnico do Felgueiras B na próxima temporada, apesar do responsável pela Comissão Administrativa do clube ter declarado vontade em manter a ligação ao treinador de 42 anos.

“O clube gosta de contar com os melhores e o Mário Guimarães é uma peça importante que esteve ligado à equipa B e fez parte do seu trajeto na formação”, afirmou Eduardo Teixeira, ao Expresso de Felgueiras.

No entanto, o técnico considera que “dizer é uma coisa, colocar preto no branco, é outra”.

“Neste momento acho que mereço ser valorizado por todo o meu empenho e por toda a dedicação ao trabalho que faço. Está nas mãos do presidente dar uma resposta ao meu anseio”, explicou.

Mário Guimarães reconhece que “fazia todo o gosto” em permanecer no clube da terra, mas adverte que não está disposto “a esperar pelo início da época” para que seja tomada uma decisão. “Eles têm que decidir o mais rápido possível”, alertou.

Ainda assim, o técnico admite também abertura para “arriscar num outro projeto, com cabeça, tronco e membros”, no caso de surgir uma proposta.

“Uma experiência nova, se calhar, também me fazia bem, para poder mostrar o meu verdadeiro valor num clube onde só me tenha de preocupar em treinar”, confessou.

Mário Guimarães, de 42 anos, orientou pela 2ª época consecutiva a equipa B do FC Felgueiras. Anteriormente, esteve ligado aos escalões de formação do emblema azul grená.

Na temporada que findou, conduziu o clube ao título de vice-campeão da 2ª Divisão da Associação de Futebol do Porto, tendo perdido a final de apuramento de campeão, frente ao Lousada, por 3-1.

 

Luís Miguel Nogueira