Mosteiro de Pombeiro, em Felgueiras, vai ter núcleo de receção ao visitante

O futuro espaço incluirá acervo representativo da importância rural que aquele território já teve, para além de informação sobre o estilo românico, contextualizado no património ambiental da área envolvente ao mosteiro.

Felgueiras, 21 jan (Lusa) – A Câmara de Felgueiras vai criar um núcleo de receção ao visitante do Mosteiro de Pombeiro, monumento nacional, reconstruindo um núcleo rural próximo, adiantou hoje à Lusa o vice-presidente.
Segundo João Sousa, o projeto também prevê, no mesmo espaço, um polo expositivo e interpretativo da envolvente rural ao mosteiro, para além de outros equipamentos de apoio ao turista.
O projeto está a ser concluído e a obra, para a qual já há financiamento, deverá arrancar até ao verão, no âmbito de uma candidatura ao programa Ader-Sousa, no valor de 160.000 euros.
O autarca explicou que a intervenção vai incidir na designada Casa do Adro, situada a cerca de 150 metros do mosteiro do século XI, um dos principais monumentos da Rota do Românico do Tâmega e Sousa.
O futuro espaço incluirá acervo representativo da importância rural que aquele território já teve, para além de informação sobre o estilo românico, contextualizado no património ambiental da área envolvente ao mosteiro.
Para potenciar a importância do futuro equipamento, a autarquia está a negociar a aquisição a particulares de uma área contígua com cerca de 30.000 metros quadrados, para ali criar um parque de lazer e centro de interpretação ambiental.
“Aquele espaço é muito bonito, tendo até uma linha de água. Pretendemos disponibilizá-lo à população para atividades de lazer e sensibilização ambiental”, afirmou João Sousa.
Se a aquisição for conseguida, adiantou também o vice-presidente, será criado um novo acesso rodoviário que melhorará as ligações à zona do antigo seminário de Pombeiro, contíguo ao terreno.
A autarquia propõe-se também construir uma réplica da antiga fonte dos claustros do mosteiro, com cerca de 12 metros de altura.
Para o autarca, há que melhorar as condições de receção e lazer numa das zonas com maior potencial turístico do concelho de Felgueiras, potenciando a atratividade do mosteiro.

APM.
Lusa/fim