Está em
Início > Destaque > Nuno Fonseca diz que gestão PSD começou obra na EN101 sem negociar terrenos

Nuno Fonseca diz que gestão PSD começou obra na EN101 sem negociar terrenos

O presidente da Câmara de Felgueiras, Nuno Fonseca (PS), admitiu hoje haver dificuldades nas obras na EN 101, à entrada da cidade, porque, disse, a anterior gestão PSD iniciou a empreitada sem negociar os terrenos.

Nuno Fonseca disse à Lusa que quando chegou à câmara, em outubro, constatou que faltava negociar os terrenos com todos os proprietários, dificultando a evolução da obra.

“Estamos a tentar recuperar o tempo perdido”, comentou o autarca.

Aquela empreitada está a causar um grande constrangimento numa das principais e mais movimentadas entradas da cidade, sobretudo depois de, recentemente, ter sido cortado o trânsito num dos sentidos, obrigando ao desvio na circulação.

Na última reunião do executivo, a questão já tinha suscitado discussão entre a nova maioria socialista e a oposição social-democrata, que foi poder nos dois anteriores mandatos.

Obras EN 101 Felgueiras

O vereador Joel Costa, que integra a equipa de Nuno Fonseca, tinha criticado o PSD por não ter concluído a negociação dos terrenos e que essa questão estava a criar dificuldade no cumprimento do prazo de conclusão da empreitada. O autarca recordou que o empréstimo contratado pela gestão PSD para executar a empreitada (1,2 milhões de euros) obriga que a obra esteja pronta até ao final deste ano.

O presidente da câmara confirmou hoje as dificuldades com os terrenos, mas mostrou-se esperançado de que seja ainda possível concluir a empreitada antes do final do ano.

“Estamos empenhado nisso”, acentuou, informado que a zona mais difícil é junto ao cruzamento com a localidade de Várzea.

João Sousa diz ser normal alguns terrenos por negociar aquando do início deste tipo de empreitadas

Na recente reunião do executivo, o vereador do PSD João Sousa, que foi vice-presidente no anterior mandato, tinha admitido que faltava ainda negociar alguns terrenos aquando do arranque da empreitada, no verão de 2017, mas que se tratava de uma situação normal neste tipo de obras públicas. O vereador ser habitual as empreitadas arrancar e isso facilitar a posterior negociação com os proprietários mais difíceis.

A questão da negociação dos terrenos também está a atrasar o início da requalificação da EM564, ligado Airães a Aião, outra empreitada do anterior executivo, confirmou hoje o presidente da câmara.

EN 544 Felgueiras

Nuno Fonseca disse hoje à Lusa que falta concluir a negociação de algumas parcelas e que só depois desse trabalho concluído é que avançarão as obras, indicando abril como a data provável para o início dos trabalhos.

João Sousa, do PSD, disse à Lusa que a gestão social-democrata liderada por Inácio Ribeiro tinha deixado o processo de negociação bastante avançado, acrescentando que os presidentes das várias freguesias tinham dado essa indicação ao executivo municipal.

Aquela empreitada obriga a um investimento de 1,3 milhões de euros e requalificará uma das estradas mais degradadas do concelho.

Top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com