Organização Internacional do Trabalho vai ser homenageada no Terra Justa em Fafe

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) vai ser a entidade homenageada no evento “Terra Justa”, em Fafe, que este ano decorrerá de 03 a 06 de abril, avançou hoje à Lusa a organização.

“No ano em que celebra o seu centenário, a OIT é a instituição escolhida para ser homenageada no ‘Terra Justa’, pelo papel que esta agência internacional tem tido na promoção do trabalho em condições de liberdade, equidade, segurança e dignidade humanas”, indicou a fonte.

 

OIT Organização Internacional do Trabalho

 

Segundo aquela informação, o “Terra Justa – Encontro Internacional de Causas e Valores da Humanidade” vai ter este ano como temas centrais o trabalho, a liberdade e a saúde.

Entre os homenageados, além da Organização Internacional do Trabalho, contam-se a “Obra Vicentina de Auxílio ao Recluso”, o ex-diretor-geral de saúde, Francisco George, e António Arnaut, a título póstumo

O auxílio aos reclusos é outro tema em destaque anunciado para o evento que vai decorrer, como habitualmente, na cidade de Fafe, estando em evidência, no dia 04 de abril, a Obra Vicentina de Auxílio aos Reclusos, organização fundada em 1969, que recebeu, em dezembro, o Prémio Direitos Humanos 2018, da Assembleia da República.

Ao longo dos vários dias, como aconteceu nas anteriores edições desde 2015, haverá homenagens, debates, conferências, exposições, conversas de café e outras atividades culturais, em diferentes espaços da cidade, com entrada livre.

No centro de Fafe haverá elementos gráficos a lembrar factos e figuras relacionados com os grandes valores e causas da humanidade.

Os homenageados vão também depositar num mural de granito uma mensagem que só será aberta daqui por 25 anos.

Desde a primeira edição que o “Terra Justa”, um evento organizado pela Câmara de Fafe, tem homenageado figuras e instituições nacionais e internacionais ligadas às grandes causas e valores da humanidade.