Está em
Início > Destaque > Pedro Araújo deixa Secundária de Felgueiras com os objetivos concretizados

Pedro Araújo deixa Secundária de Felgueiras com os objetivos concretizados

O ex-diretor da Escola Secundária de Felgueiras, Pedro Araújo, disse ao EXPRESSO DE FELGUEIRAS que “fechou com chave de ouro” o mandato de 15 anos à frente da direção daquela escola.

“Fiz um mandato em que foram atingidos todos os objetivos. Nos últimos quatro podemos disparar para os melhores resultados de sempre com os alunos e em todos os projetos de cultura, ambiente e saúde”, avançou.

Pedro Araújo deixou o cargo de diretor da Escola Secundária de Felgueiras, considerando ser o “timing” certo para o fazer.

“15 anos é bastante tempo. No meu caso concreto foi o timing ideal para implementar o projeto que sempre tive em mente para esta escola”, considerou.

Não querendo ser “um peso morto” na escola, Pedro Araújo sai por “decisão própria e antes que tenha qualquer constrangimento pessoal ou legal”.

“Eternizarmo-nos nos cargos é mau para as pessoas e para as instituições”, observou.

Do mandato à frente da escola, Pedro Araújo destacou várias situações que foram resolvidas.

“Em 2002, a escola de Felgueiras era conhecida por razões não escolares e era uma escola dividida”, explicou, revelando que “o trabalho cultural tem dado notoriedade à escola a nível local, regional e nacional”.

“É com orgulho que olho para estes anos e vejo o trabalho de cultura que foi possível fazer. Nos últimos anos tem sido mais visível, porque houve uma aposta clara na vertente cultural, desde que recebemos estas instalações”, frisou.

O ex-diretor sempre defendeu que o novo edifício da escola deveria estar ao serviço da comunidade, com vertentes diferentes da vertente educativa.

“Como a oferta cultural em Felgueiras não é muito abundante e não corresponde a todo o tipo de público, decidimos apostar em algumas dessas vertentes culturais”, revelou.

A cultura foi sempre uma aposta forte, cujo novo edifício veio dar um novo alento.

A criação de uma galeria dentro da escola, designada de Galeria do Piso Dois, proporcionou ao estabelecimento escolar momentos culturais pouco usuais em escolas.

No que diz respeito à atividade letiva, Pedro Araújo considera que a escola “está numa curva ascendente”.

“No último ano tivemos os melhores resultados de sempre”, disse.

Apesar de considerar “um grande desafio” a mudança de instalações, que ocorreu durante o mandato de Pedro Araújo, o docente aponta a “mudança de mentalidades e a mudança organizacional para transformar a escola numa escola organizado para o século XXI”, como maiores desafios.

 

Sinto-me absolutamente realizado”

Pedro Araújo admitiu ao EXPRESSO DE FELGUEIRAS que se sente “absolutamente realizado”.

“É uma experiência de uma vida”, referiu.

E acrescentou: “Foram 15 anos muito felizes, concretizei todas as grandes linhas orientadoras que tinha para concretizar”.

No momento de despedida, o ex-diretor quis deixar palavras de agradecimento.

“O que tenho feito mais neste momento de despedida é agradecer. Aos alunos, aos docentes, ao pessoal não docente, aos pais dos alunos, a todos que ajudaram. Sozinho não conseguira nada do que feito na Escola Secundária de Felgueiras”, vincou.

 

Top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com