Presidentes das juntas das duas cidades do concelho derrotados pelo “Sim Acredita”

A vitória da coligação “Sim Acredita” (PS(Livre) e Nuno Fonseca nas autárquicas de domingo, para a câmara municipal, com maioria absoluta, teve também expressão nas votações para as juntas de freguesia, com destaque para os resultados nas duas cidades, onde os atuais presidentes do PSD, ambos “dinossauros” do poder autárquico em Felgueiras”, foram derrotados de forma expressiva.

Além das uniões de freguesia da sede do concelho e da Lixa, o “Sim Acredita” também ganhou em Pombeiro, Sendim, Regilde, União de Freguesias de Torrados e Sousa e União de Freguesias de Macieira da Lixa e Caramos.

José Lemos e Nuno Fonseca, dois vencedores na noite eleitoral de domingo
José Lemos e Nuno Fonseca, dois vencedores na noite eleitoral de domingo

O resultado mais impressionante foi a derrota que a coligação “Manter a Esperança”, liderada pelo PSD, sofreu na união de freguesias da sede do concelho, a maior do concelho, onde o presidente José Luís Martins, no poder em Margaride há décadas, perdeu por mais de mil votos de diferença para o seu antigo número dois, José Lemos, que encabeçava nestas eleições a lista do “Sim Acredita”.

A força mais votada conquistou a maioria absoluta na assembleia de freguesia, com mais um mandato do que a segunda lista.

Na Lixa (Vila Cova e Borba de Godim), a segunda maior freguesia do concelho, o “Sim Acredita”, liderado por José Guimarães, também ganhou, com quase trezentos votos de diferença, afastando do poder o social-democrata Agostinho Sousa, que governava há vários mandatos.

Apesar da vitória, o “Sim Acredita”, com seis mandatos na assembleia de freguesia, não conseguiu maioria absoluta. O PSD alcançou cinco mandatos e o CDS elegeu dois representantes.