Está em
Início > Destaque > Projeto de inclusão social em Fafe já apoiou 600 crianças e jovens desde 2016

Projeto de inclusão social em Fafe já apoiou 600 crianças e jovens desde 2016

O “Projeto Ei!”, que atua na inclusão de crianças e jovens de um contexto socioeconómico vulnerável em Fafe, já interveio junto de cerca de 600 jovens do Bairro da Cumieira, desde 2016, anunciou a autarquia.

Foram alcançados crianças e jovens dos seis aos 30 anos, proporcionando-lhes um conjunto de recursos suscetíveis de promover a inclusão, o sucesso escolar e o exercício de uma cidadania ativa.

A secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro, visitou o projeto, realçando: “o ‘Projeto Ei!’ é um dos nossos melhores projetos a nível nacional”.

 

Projeto Ei de Fafe 2

 

“Coordenado pela Sol do Ave e com apoio fundamental do Município de Fafe e de todo o consórcio de parceiros, este projeto assenta numa estratégia de intervenção que deve ser sistémica e integrada, no sentido de preparar os nossos jovens para um futuro e uma trajetória social que pode ser muito diferente de uma ideia fatalista de exclusão das comunidades ciganas, como é aqui, em Fafe, um dos focos centrais”, disse, citada em comunicado.

 

Projeto Ei de Fafe 3

 

O Bairro da Cumieira foi construído no final da década de 70 para alojar pessoas de perfil social de desfavorecido.

A governante esteve acompanhada pelo presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha.

 

Requalificação do Bairro da Cumeira vai intervir em 240 habitações, a maioria de famílias carenciadas

O presidente da Câmara de Fafe falou sobre a requalificação do Bairro da Cumieira, que irá intervir em 240 habitações.

“O projeto de requalificação do Bairro da Cumieira tem sido, nos últimos três anos, um dos nossos objetivos centrais e ao qual dedicamos muito dos nossos esforços e capacidades”, explicou Raul Cunha, citado no comunicado.

“Desde a primeira hora que temos noção de que não chega requalificar os espaços físicos. É preciso também continuar a apostar e reforçar este tipo de intervenção, de forma a dar as capacidades às pessoas para que possam integrar-se na vida comunitária e ter as mesmas oportunidades”, acrescentou.

 

Projeto Ei de Fafe 4

 

O autarca avançou ainda que de todo o edificado do bairro vai ser requalificado, mas “está a ser equacionado um espaço mais desafogado para estes jovens exercerem as suas atividades, porque este é, sem dúvida, um projeto de sucesso que tem tido resultados concretos e práticos”.

Top