Está em
Início > Política > PSD/Porto prevê Parque Tecnológico em Felgueiras na próxima legislatura

PSD/Porto prevê Parque Tecnológico em Felgueiras na próxima legislatura

O deputado do PSD Virgílio Macedo disse hoje haver condições financeiras para o próximo Governo viabilizar o Parque Tecnológico de Felgueiras desejado pelo Instituto Politécnico do Porto e pela autarquia local.

“Será o justo reconhecimento do esforço de Felgueiras”, afirmou hoje o parlamentar, em declarações à Lusa, a propósito do contributo que o concelho tem dado à economia do país, através das exportações da indústria de calçado.

Segundo Virgílio Macedo, o Governo não teve condições para realizar, nesta legislatura, os investimentos que Felgueiras reclama “insistentemente”, devido aos problemas financeiros que o país tem atravessado.

Contudo, vincou, na próxima legislatura, nomeadamente graças às poupanças em juros conseguidas com o reembolso antecipado do empréstimo concedido pelo FMI, um executivo eventualmente liderado pela atual maioria disporá de meios financeiros para investir em projetos com viabilidade e interesse para a dinamização da economia, como o Parque Tecnológico de Felgueiras, orçado em cerca de sete milhões de euros.

O líder da distrital do Porto do PSD falava no final da visita que um grupo de deputados sociais-democratas realizou à Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Felgueiras (ESTGF), do Politécnico do Porto, o único estabelecimento de ensino superior público da região do Tâmega e Sousa.

Virgílio Macedo recordou que o Parque Tecnológico de Felgueiras permitirá reforçar a capacidade da ESTGF no apoio que presta ao tecido económico da região, nomeadamente em matéria de investigação, melhorando a competitividade das empresas.

O deputado recordou, por outro lado, que o Parque Tecnológico também comportará as instalações da Escola Profissional de Felgueiras, propriedade da câmara municipal, refletindo uma visão integrada, do IPP e do Município, da “importância da formação dos recursos humanos”.

Para o presidente da autarquia, Inácio Ribeiro, que acompanhou a visita, o projeto é “exequível e potenciará sinergias com o Politécnico do Porto”, com a partilha de equipamentos, ao mesmo tempo que permitirá a transferência de competências para as empresas da região.

O autarca social-democrata disse que vai continuar a pressionar os deputados para que o projeto saia do papel, insistindo que o contributo líquido de Felgueiras para a economia do país é credor de um maior investimento da administração central naquele concelho.

A presidente da ESTGF, Dorabela Gamboa, disse à Lusa que o Parque Tecnológico reforçará o papel que o estabelecimento de ensino superior já tem no apoio às empresas do território, nomeadamente porque prevê a criação de um centro de investigação, com vários laboratórios.

 

APM // MSP

Lusa/fim

Top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com