TAÇA PORTUGAL: Felgueiras em Moreira de Cónegos e Freamunde na Madeira (C/ÁUDIO)

Os dois clubes sobreviventes da região na Taça de Portugal vão jogar a 4ª eliminatória da prova fora de portas e perante adversários de escalões superiores, ditou o sorteio realizado, na quinta-feira, na Cidade do Futebol, em Oeiras.

O Felgueiras terá uma curta, mas complicada deslocação a Moreira de Cónegos, para defrontar o Moreirense, atual penúltimo classificado da 1ª Liga Portuguesa.

Já o Freamunde terá de viajar até à Madeira para medir forças com o União. A equipa insular ocupa o 14º posto da 2ª Liga.

O técnico felgueirense, Horácio Gonçalves, confessa que ficou desagradado com o resultado do sorteio.

“Não era o que pretendíamos. Queríamos uma equipa do nosso nível para tentarmos ir o mais longe possível e só apanhar equipas da 1ª Liga nos oitavos ou nos quartos-de-final”, refere.

“De qualquer das formas vamos lutar pela eliminatória e ver se conseguimos ser mais fortes do que o adversário, o que não será fácil. Sabemos de antemão que as forças são desiguais, mas tudo vamos fazer, durante os noventa minutos, para dignificar o Felgueiras”, garante.

Horácio Gonçalves reconhece, no entanto, que o duelo em Moreira de Cónegos servirá para dar uma maior visibilidade ao emblema azul grená.

“Os jogos de Taça são para isso mesmo, principalmente para equipas de escalões inferiores. Vamos tentar que os jogadores usufruam de um dia diferente e, se puderem, serem felizes nesse dia”, deseja.

Micael Sequeira, treinador do Freamunde, também considera que o sorteio foi pouco simpático para os ‘capões’.

“Não tivemos muita sorte com o sorteio, é um facto, mas é um jogo de Taça. Vamos jogar contra uma equipa forte, em termos individuais e coletivos, mas nós somos Freamunde e o nosso compromisso é lutar todos os jogos pela vitória e é isso que vamos tentar fazer”, garante.

Micael Sequeira admite que o União da Madeira “tem alguns pontos fracos” que o Freamunde “vai tentar explorar” de forma a tornar-se “numa das surpresas da próxima eliminatória”.

A viagem à Madeira provocará desgaste na equipa, mas o treinador do Freamunde assegura que esse facto “não vai servir de desculpa” para um eventual resultado negativo.

Os jogos da 4ª eliminatória da Taça de Portugal em futebol estão agendados para 19 de novembro.

 

Luís Miguel Nogueira