Está em
Início > Destaque > Transformação urbana

Transformação urbana

A regeneração urbana é um tema absolutamente central e na ordem do dia há vários anos, pela necessidade de adaptar os centros urbanos às novas realidades demográficas e sociais, e por isso é que surgiram programas estruturais emblemáticos como o Polis que visa promover intervenções nas vertentes urbanística e ambiental, por forma a incrementar a qualidade de vida nas Cidades, melhorando a atratividade e competitividade dos pólos urbanos. Em Felgueiras, concelho, os principais pólos com estas características são as cidades da Lixa e de Felgueiras e as vilas de Barrosas e da Longra, que necessitam de intervenções para as tornarem mais modernas e confortáveis sendo em alguns casos as necessidades absolutamente gritantes. Na verdade, desde Fátima Felgueiras que não existem intervenções de transformação dignas de nota nos nossos pólos urbanos, e por isso é com agrado que se regista o anúncio do plano de execução de projetos de execução urbana em Felgueiras, nomeadamente o de intervenção na zona envolvente à Igreja Matriz de Margaride (em fase de adjudicação) e posteriormente o da Avenida Dr. Leonardo Coimbra, ainda em projeto mas que segundo a intenção divulgada do executivo municipal deverá ser ainda realizado neste mandato, e embora “previsões só no fim do jogo” esta intenção poderá querer demonstrar que possivelmente não será possível concluir esta intervenção até 2021… E deve notar-se que a continuidade deste processo de Regeneração Urbana que foi iniciado no mandato anterior, com várias iniciativas entre as quais a delimitação das áreas urbanas, a elaboração de projetos de intervenção, as candidaturas a financiamentos, é um bom exemplo da necessidade de assegurar a continuidade de projetos inter-mandatos autárquicos mesmo quando exercidos por “forças” políticas diferentes!

Sobre a intervenção na Av. Dr. Leonardo Coimbra (notável lixense) num dos eixos centrais da cidade de Felgueiras, muito bem vinda e necessária, ela terá um impacto grande na circulação de quem tem necessariamente que atravessar Felgueiras a caminho de outros destinos, como por exemplo Guimarães, Lousada, Fafe, Lixa, etc., e por isso antes de se criar o caos na circulação rodoviária é necessário assegurar que algumas infra-estruturas sejam realizadas e que seja implementado um plano de ordenamento de trânsito adequado e funcional, e que sejam feitos em tempo útil. Se a atual circular que liga a rotunda da “Casa do Diabo” à rotunda da Trofa é já uma alternativa muito útil, esta não permite resolver todas as necessidades e por isso é claramente prioritário construir a ligação da rotunda da “Casa do Diabo” a Cabeça de Porca, já prometida pelo Governo, mas ainda sem início e prazo de execução delimitado no tempo.

Mas, Nuno Fonseca eleito numa coligação integrada pelo Partido Socialista tem certamente todas as condições (para além do alinhamento partidário) para utilizando o seu capital político e capacidade de influência conseguir que este investimento tão necessário passe do papel à prática, sabendo-se que o PS perante pelo menos duas opções de posicionamento neste ciclo eleitoral em Felgueiras optou pela mais fácil, encontrando-se completamente acantonado na coligação que integrou, será lógico que o PS nacional não deixará de apoiar as realizações necessárias para o concelho. Embora, os próximos tempos deixem antever que as autarquias irão ser sujeitas a uma enorme pressão orçamental devido à delegação de competências em curso que prevê-se não venham acompanhadas de um “justo” envelope financeiro, e que os investimentos em obras públicas por parte do Governo não venham a ser tão substantivos pelas exigências políticas dos parceiros que o suportam!

Top