Universidade do Porto e 15 autarquias promovem plano de emprego para estudantes

Entre os municípios que vão participar na parceria com a Universidade do Porto estão Felgueiras e Marco de Canaveses

A Universidade do Porto formaliza hoje um plano com 15 autarquias do Norte de Portugal para que sejam uma espécie de tutores dos estudantes que queiram entender o mundo real de trabalho versus a teoria académica.

“Trata-se de preparar e apoiar a transição dos estudantes da Universidade do Porto para o mercado de trabalho e promover a integração de quadros qualificados nas autarquias”, disse à Lusa fonte do gabinete de imprensa da UP, explicando que o aluno terá um tutor da autarquia, por exemplo um engenheiro, ou um arquiteto, para mostrar ao aluno o mundo real de uma profissão e o que é “valorizado versus a sala de aula”.

Os estudantes candidatam-se ao programa de parceria com as autarquias, depois são selecionados e entre as disponibilidades de recursos das câmaras vão poder acompanhar o trabalho técnico para perceber as reais necessidades numa determinada área, acrescentou a mesma fonte da UP.

“Trata se de um esforço da UP de levar o mundo académico à prática e dar-lhes a conhecer o quotidiano e o que é valorizado no mundo real”.

Os municípios que vão participar na parceria com a Universidade do Porto são Famalicão, Felgueiras, Gondomar, Marco de Canaveses, Matosinhos, Oliveira de Azeméis, Ponte da Barca, Porto, S. João da Madeira, Santo Tirso, Sever do Vouga, Trofa, Vila do Conde, Vila Nova de Gaia e Vila Verde.

Com esta parceria, os municípios podem também identificar quadros qualificados que potencialmente preencham as suas necessidades de recursos humanos.

Os protocolos para a parceria vão ser assinados entre o reitor da UP e os responsáveis das 15 autarquias, pelas 17:15, no Salão Nobre da Universidade do Porto (Praça Gomes Teixeira, aos Clérigos”.

O objetivo da UP é, depois, expandir a parceria também a empresas e instituições que queiram acolher os estudantes universitários.

 

CCM // MSP

Lusa/fim