Airães promove programa de convívio sénior para levar idosos a passear pelo país

A Junta de Freguesia de Airães vai promover um programa de convívio sénior, com o objetivo de levar a população mais idosa da freguesia a passear a várias localidades do país.

Segundo o presidente da Junta de Freguesia de Airães, Vítor Vasconcelos, a iniciativa conta com o apoio do Inatel e outras entidades particulares, como a Quinta da Malafaia, a Quinta da Presa, em Viana do Castelo, e tem como finalidade proporcionar momentos de convívio e interação entre reformados e pensionistas.

“Pretendemos criar momentos que permitam à população sénior da freguesia, passear e conviver entre si e conhecerem outros destinos dentro do país”, afirmou, sublinhando que já no próximo mês de julho está programada uma visita à Quinta da Malafaia, em Esposende.

O programa de passeios prevê ainda deslocações nos meses de setembro, novembro e dezembro a outros destinos, cujos itinerários estão a ser elaborados e definidos em articulação com o Inatel.

“Esse acordo com o Inatel está a ser ultimado, mas o nosso propósito é criar um programa de atividades regulares, com deslocações entre três a quatro vezes por ano, que permita à população idosa da freguesia conhecer não apenas os espaços do Inatel mas também conhecer outros destinos”, salientou.

Ao Expresso de Felgueiras, Vítor Vasconcelos destacou que a junta tem a decorrer uma outra atividade. Ginástica para a comunidade sénior, uma iniciativa que conta com o apoio de uma empresa e tem tido uma grande adesão da população da freguesia.

Trata-se de uma parceria com uma empresa, que decorre todas as terças e quintas-feiras na junta de freguesia, que é gratuita e que se destina a pessoas com mais de 60 anos ou que estão reformadas.

A iniciativa, salientou o autarca, começou em abril e vai prolongar-se até julho.

“Em setembro estamos a ponderar reiniciar a atividade”, acrescentou, defendendo que esta ação permite aos idosos conviverem e praticar desporto adaptado à sua condição física.

Vítor Vasconcelos reconheceu que os resultados obtidos são motivadores e a perspetiva passa por criar mais oferta nesta área, também como forma de proporcionar melhor qualidade de vida à comunidade mais envelhecida da freguesa.

A este propósito, o autarca realçou que é necessário combater o isolamento e o envelhecimento acentuado das freguesias que se encontram mais a sul do concelho de Felgueiras, nomeadamente Airães e Aião, com a implementação de iniciativas do género.

“O envelhecimento da população é uma realidade que atinge proporções mais evidentes nas freguesias a sul do concelho, embora seja, também, uma realidade no país”, ressalvou.