Alpendorada vence no Senhor do Amparo e agudiza crise do Lixa (C/ÁUDIO)

O FC Alpendorada foi ao Estádio Senhor do Amparo bater o FC Lixa, por 2-1, no encontro referente à 14ª jornada da Divisão de Elite da Associação de Futebol do Porto (AFP). A equipa de Marco de Canaveses atravessa o melhor momento de forma da época. Ao invés, os lixenses ficaram em situação ainda mais delicada na tabela.

 

Numa primeira parte equilibrada, o Alpendorada adiantou-se no marcador em cima do intervalo, com um golo de João Garcês. No início do segundo tempo, o ponta-de-lança elevou a contagem. Os locais reduziram a 15′ do fim do encontro, por intermédio de Abraham, mas não conseguiram mais do que amenizar os números da derrota.

O treinador do Lixa, Filipe Mesquita, lamentou “os erros cometidos” nos golos sofridos.

“Na primeira parte muito divida, com as equipas muitas encaixadas, tivemos uma desatenção e sofremos um golo. Na segunda, quando tentávamos mudar alguma coisa, levámos outro golo num erro infantil e ficamos a perder 2-0. A partir daí, o Lixa foi claramente superior”, assegurou.

 

 

Filipe Mesquita considerou ainda que o FC Lixa foi prejudicado em “dois lances” que foram mal ajuizados pelo árbitro da partida. “Na minha opinião, há um penálti claro a nosso favor, em que foi assinalada uma falta em contrário, e há um golo limpo, nos últimos minutos do jogo, que nos foi anulado. Tudo fizemos para ter um resultado positivo, mas por erros de terceiros não conseguimos”, queixou-se.

Renato Coimbra, treinador do Alpendorada, considera que a vitória da sua equipa “foi justa, mas difícil”.

“Houve momentos em que tivemos mais qualidade, outros em que dominámos, outros ainda em que fomos dominados, em que tivemos de sofrer. Acho que todo o jogo foi equilibrado e nas situações que criámos conseguimos finalizar. O Lixa fez um golo, de um remate de fora da área. Sem ser isso, acho que não teve mais nenhuma oportunidade. O resultado prevalece pela eficácia que tivemos”, admitiu.

 

 

O técnico do clube de Marco de Canaveses rejeitou ainda a ideia de que o FC Lixa terá sido prejudicado pela arbitragem. “Respeito a opinião do Filipe Mesquita, mas não concordo. Compreendo a frustração das pessoas do Lixa, mas, sinceramente, o árbitro fez uma boa arbitragem. No lance do golo anulado, é mais do que evidente que há uma falta sobre o nosso guarda-redes”, disse.

Com a vitória no Estádio Senhor do Amparo, o FC Alpendorada ascendeu ao terceiro lugar da tabela, com os mesmos 27 pontos do Freamunde, segundo classificado. Os ‘capões’ triunfaram em Barrosas, por 4-3.

O FC Lixa, que sofreu a quarta derrota consecutiva, ficou em situação mais delicada na tabela. Soma 14 pontos, apenas dois de vantagem para a linha d’água.