Autarquia satisfeita com reversão da fusão do sistema de captação de água

A Câmara de Felgueiras congratulou-se hoje com a reversão da fusão dos sistemas de captação de água em alta, anunciada pelo ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, informou fonte da autarquia.

O presidente do município de Felgueiras, Inácio Ribeiro, sempre defendeu que as autarquias não podiam permitir a fusão para que os munícipes não fossem penalizados.

O executivo da Câmara de Felgueiras apresentou um parecer desfavorável, aprovado por unanimidade, acerca do projeto de criação do Sistema Multimunicipal de Abastecimento de Água e Saneamento do Norte de Portugal.

A autarquia recorreu ainda aos meios judiciais e administrativos no sentido de garantir a continuação das Águas do Douro e Paiva.

No dia 18 de janeiro, Inácio Ribeiro deslocou-se ao Ministério do Ambiente, onde reuniu com o ministro da tutela e confirmou a posição do município de Felgueiras contra a fusão dos sistemas de captação de água em alta.

O presidente da Câmara considera que o modelo praticado pelas Águas do Douro e Paiva, S.A., ao qual o município está vinculado, “é extremamente positivo e rentável, gerando lucro e, consequentemente, distribuição de dividendos aos acionistas, o que possibilita a prática de preços suportáveis pelos munícipes ”.

Inácio Ribeiro defende o cumprimento integral do contrato de concessão de tratamento e abastecimento de água para consumo público, celebrado entre o Estado Português e as Águas do Douro e Paiva, S.A., em julho de 1996.