Autárquicas: Fafe vai perder dois vereadores por baixar dos 50 mil eleitores

A Câmara de Fafe, no distrito de Braga, vai perder dois vereadores após as autárquicas de 26 de setembro, por o número de eleitores no concelho ter descido dos 50 mil, de acordo com dados da Comissão Nacional de Eleições (INE).

 

Nas autárquicas de 2017, quando estavam inscritos 50.650 eleitores naquele município, foram eleitos nove mandatos (presidente e oito vereadores), que cumprem atualmente os seus últimos meses de mandato.

Como o número de eleitores em 2021 é de 49.610, segundo o INE, o executivo municipal de Fafe que sairá das autárquicas deste ano terá sete mandatos (presidente e seis vereadores).

A legislação determina que nos municípios com mais de 10 mil eleitores e menos de 50 mil o órgão câmara municipal seja formado por sete elementos.

Entre os 50 mil e os 100 mil eleitores, os executivos municipais contam com nove mandatos.

A assembleia municipal de Fafe contará também com menos um eleito, passando dos atuais 27 para os 26, a partir do próximo mandato.

O atual executivo municipal de Fafe é formado por quatro eleitos do PS, quatro vereadores do Movimento Fafe Sempre e um do PSD.

As eleições autárquicas estão agendadas para 26 de setembro.