Campeonatos Europeu e Português de Ralis começam hoje em Fafe

O Rally Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas arranca hoje à noite, com a disputa de uma Super Especial nas ruas do centro da cidade de Fafe, aberta à presença de público, e com 73 equipas inscritas.

 

Trata-se de uma classificativa espectáculo a ser percorrida a partir das 21h08, com pouco mais de 1 quilómetro de extensão, onde os pilotos percorrem ruas com pisos em asfalto e paralelepípedos, um salto e a obrigatoriedade de alguns piões em locais determinados no percurso.

Esta prova que marca o início dos Campeonatos Europeu (ERC) e Português (CPR) de ralis, passará durante este fim de semana pelos concelhos de Fafe, Felgueiras, Cabeceiras de Basto, Vieira do MInho e Boticas, com a disputa de 8 classificativas em rondas duplas.

 

Felgueiras novamente no percurso do rali

 

No dia de amanhã (sábado) os pilotos percorrerão as classificativas de Boticas, Cabeceiras de Basto, Vieira do Minho e Luílhas, e no domingo, Montim, Seixoso, Santa Quitéria e Fafe-Lameirinha.

A passagem dos pilotos pelo Seixoso está marcada para as 8h40 e 12h52, e por Santa Quitéria pelas 9h15 e 13h27.

O regresso dos ralis ao concelho de Felgueiras aconteceu há 3 anos, tendo na altura a classificativa de Santa Quitéria integrado o itinerário da prova, e a do Seixoso foi utilizada para testes de preparação para o rali.

 

Pilotos portugueses são candidatos à vitória

 

Relativamente à competição antevê-se um rali muito disputado, e onde vários pilotos portugueses lutarão pela vitória com os mais rápidos pilotos internacionais.

Os principais pilotos portugueses que se espera lutem pelos lugares cimeiros da classificação geral do Rally Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas são as duplas da equipa Hyundai, Bruno Magalhães/Carlos Magalhães e Ricardo Teodósio/José Teixeira em Hyundai i20N Rally2, o ex-campeão nacional Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia Rally2 Evo) e a dupla da Citroen José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroen C3 Rally2).

 

Hélder Quintela