Escola superior em Felgueiras ajuda indústria a avaliar maturidade digital

A Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG), do Politécnico do Porto, sediada em Felgueiras, informou hoje ter disponibilizado uma ferramenta online “inovadora e pioneira” que permite à indústria do Tâmega e Sousa avaliar a maturidade digital.

 

A nova ferramenta designa-se ‘Digital Industry Survey’ (Índice de Maturidade Digital da Indústria) e a análise às empresas comporta duas fases, explica-se num comunicado.

A primeira traduz-se num autodiagnóstico e a segunda na comparação da maturidade em termos setoriais e regionais.

“Da primeira fase resultará uma radiografia da região relativamente à capacidade do tecido empresarial para a resposta aos desafios colocados pela Indústria 4.0”, explica a ESTG, assinalando, por outro lado, que também constituirá uma ferramenta de apoio à decisão na definição de prioridades e estratégias.

Carla Pereira, vice-presidente da ESTG, citada no comunicado, indicou que a concretização deste projeto permitirá ao estabelecimento de ensino desenvolver ações na área de investigação e desenvolvimento que “impulsionem a transição digital de uma região onde o ‘saber-fazer’ de excelência da indústria é já reconhecido por todos”.