Fafe planta 1.500 árvores autóctones em zona devastada pelos incêndios

Lusa

A Câmara de Fafe informou hoje que, em conjunto com o movimento ambientalista “Terra Mãe”, vai plantar 1.500 árvores numa das zonas do concelho mais afetadas pelos incêndios florestais em 2017.
Segundo informa a autarquia, a plantação resulta da primeira edição do festival ambiental “Terra Mãe”, realizado naquele concelho do distrito de Braga, no qual se anunciava a plantação de uma árvore por cada entrada no evento.
A plantação recorrerá a espécies autóctones e pretende recuperar um terreno baldio na localidade de Monte e Queimadela.
A atividade acontecerá no sábado e contará com outros parceiros locais, incluindo movimentos ambientalistas escolas e o agrupamento de escuteiros de Fafe.
Os organizadores convidam a população a participar na plantação e no convívio que incluirá piquenique.
Márcia Barros, vereadora do Ambiente da Câmara de Fafe, citada no comunicado, destaca a importância de a plantação decorrer de um festival com preocupações ambientais realizado no concelho, o que justificou o apoio da autarquia.
A próxima edição do festival Terra Mãe, na localidade de Fornelos, está agendada para o período de 20 a 22 de junho.
APM.
Lusa/fim