FC Felgueiras sofre goleada no terreno do Arões SC (4-1)

O Futebol Clube de Felgueiras foi goleado, no domingo, no Parque Desportivo Centro Formação Juventude de Arões, com o Arões Sport Club, a contar para a 6.ª Jornada da Fase de Manutenção/Descida da Série B do Campeonato de Portugal Prio.

Com este resultado, o FC Felgueiras caiu para o terceiro lugar da tabela classificativa com 21 pontos e está a um ponto do S. Martinho que bateu o Varzim B, na Póvoa, por (2-3) e a quatro pontos da Associação Desportiva Oliveirense que venceu o Mondinense por (0-2).

Com um início de partida intenso, com ambas as formações a baterem-se pela disputa da bola, a meio campo, foi a formação da casa que inaugurou o marcador. André Sampaio, em cima do minuto 20, rematou de fora de área de pé esquerdo e bateu o guarda-redes do Felgueiras, Cajó.

A formação felgueirense, orientada por Rui Luís, acusou o golo sofrido, recuou e passou a apostar em lances rápidos de contra-ataque.

Ao minuto 27, a formação da casa poderia ter ampliado o marcador. O lance é precedido de um canto  do lado direito, com um jogador da formação da casa a cabecear, solto de qualquer marcação, e Belly cortar em cima da linha de golo.

À passagem do minuto 38, o Arões dispôs de nova oportunidade para marcar, com a formação da casa a colocar vários jogadores na pequena área defendida por Cajó. André Sampaio rematou de fora de área para defesa fácil de Cajó.

O FC Felgueiras só chegou com perigo à baliza adversária já perto do final da primeira parte. Rui Magalhães rematou de pé direito, de fora de área, com a bola a passar ligeiramente por cima da baliza de Paulo Jorge.

Na segunda metade, Rui Luís mexeu na equipa e fez entrar Miguel Pinto para o lugar de Bruno Pereira.

Mas foi o Arões SC  que dispôs de nova oportunidade para marcar, com Ricardo Pedrosa a perder o esférico para João Dias, que passou a bola para André Sampaio que rematou às redes laterais.

A formação da casa chegou ao segundo golo por intermédio de Zézinho, ao minuto 54, que sem qualquer oposição, surgiu ao segundo poste, na sequência de um pontapé de canto.

Ao minuto 59, Rui Luís promoveu nova alteração e fez entrar Estevão para o lugar de Júnior.

O FC Felgueiras reduziu a desvantagem ao minuto 62, por intermédio de Belly.

No minuto seguinte, o Arões marcou por intermédio de Pedro Silva que executou um pontapé de bicicleta sem hipóteses de defesa para Cajó.

O quarto golo da formação da casa, foi óbito por Pato Cabrera através da marcação de uma grande penalidade a sancionar falta de André Sampaio dentro da grande área do Felgueiras.

Rui Luís voltou a mexer na equipa, fazendo entrar Sardinha para o lugar Gil Dias, mas o resultado não sofreu qualquer alteração até ao final do encontro.

Ao EXPRESSO DE FELGUEIRAS, o treinador do Felgueiras, Rui Luís, afirmou que a sua equipa “não teve serenidade”, e esteve longe do futebol que tem explanado nos últimos jogos.

“O Felgueiras fez um jogo menos conseguido. Só me resta dar os parabéns ao adversário e pensar já no próximo encontro com o Varzim B”, afirmou, salientando que acredita no grupo e no potencial dos seus atletas.