FC Lixa e treinador Vítor Pacheco rescindem por mútuo acordo em véspera do dérbi com o Lagares

Vítor Pacheco orientava o clube azul e branco desde o inicio da temporada e sai na liderança e sem derrotas no campeonato.

O FC Lixa anunciou, este sábado, a rescisão de contrato, “por mútuo acordo”, com o treinador Vítor Pacheco. A decisão, surpreendente, surge numa altura em que o clube azul e branco lidera isolado o campeonato e sem derrotas.

 

Na véspera do dérbi do concelho de Felgueiras, em casa, diante do Lagares, a contar para a 12ª jornada da Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto (AFP), o FC Lixa anunciou, de forma inesperada, a rescisão de contrato com o técnico Vítor Pacheco.

“Vimos desta forma informar todos os sócios e simpatizantes do clube que, depois de uma reunião com o mister Vítor Pacheco durante o dia de hoje, chegou-se a mútuo acordo para a rescisão do contrato que o ligava ao clube. Ao mister Vítor Pacheco, desejamos lhe as maiores felicidades, quer a nível profissional ou particular”, informou o FC Lixa, nas redes sociais, sem adiantar mais detalhes sobre esta decisão.

Também nas redes socias, o treinador, de 42 anos, comunicou o fim da ligação ao clube que orientava desde o inicio da temporada.

“Termina hoje a minha ligação ao FC Lixa. Saio com a consciência que a cada instante dei o melhor de mim para elevar o nome de tão prestigiada instituição, e quando damos o melhor de nós só temos que estar orgulhosos e de consciência tranquila independentemente desse melhor de nós ser ou não suficiente”, escreveu.

A saída de Vítor Pacheco do comando técnico do FC Lixa é, no mínimo, surpreendente. O clube azul e branco está a dominar o campeonato, tendo obtido 10 vitórias e um empate nos 11 jogos disputados até ao momento. Lidera a Série 4 da Divisão de Honra, com 31 pontos, nove de vantagem sobre o Desportivo das Aves, segundo classificado, e 13 para o Citânia de Sanfins, terceiro posicionado, estando já a um pequeno passo de assegurar o apuramento para o ‘play-off’ de acesso à Divisão de Elite.

O único registo negativo da época da equipa lixense aconteceu na Taça da AF Porto, com a eliminação frente ao Sobrosa, da 1ª Divisão.

O FC Lixa não informou quem estará no banco no jogo deste domingo, no Estádio Senhor do Amparo, no dérbi com o Lagares, nem quem será o sucessor de Vitor Pacheco.