Filipe Coimbra renova contrato com o Varziela (C/ÁUDIO)

Filipe Coimbra vai permanecer ao comando do Varziela na próxima temporada. O técnico, de 48 anos, chegou a acordo com a direção do emblema do concelho de Felgueiras para a renovação de contrato.

 

Um desfecho que “era desejo de ambas as partes”, em virtude “da campanha realizada pelo clube na época passada”, que ficou muito perto de assegurar a promoção à Divisão de Honra da AF Porto.

 

 

Filipe Coimbra mantém o cargo de treinador principal, mas a restante equipa técnica muda. José Campos, que na temporada anterior orientou durante alguns jogos o FC Lixa, é o novo adjunto. Carlos Queirós, que conta com passagens por São Lourenço do Douro, Alpendorada e Caíde de Rei, é o novo técnico de guarda-redes.

Coimbra define como objetivo para 2020/2021 “acabar o campeonato nos lugares de subida de divisão”. “Vamos tentar fazer aquilo que na época passada começamos e não nos deixaram acabar”, acrescenta.

 

 

O treinador ainda não digeriu a decisão da AF Porto, que optou por anular a última jornada antes da paragem do campeonato, devido ao surto da Covid-19, e que impediu o Varziela de ascender de divisão.

“Acho muito injusto porque anularam uma jornada com mais de 50 por cento dos jogos realizados. As pessoas continuam a esquecer-se que um desses dois jogos que não se disputaram era o segundo contra o terceiro classificado. Qualquer que fosse o resultado, ficaríamos sempre em zona de subida”, lembra.

 

 

“A AF Porto anunciou recentemente que a partir da próxima época, se algo semelhante à Covid-19 acontecer, o mérito desportivo será encontrado dividindo o número de jogos pelo número de vitórias. E esse coeficiente servirá para atribuir o lugar devido na tabela. Já deveria ter sido assim na temporada passada, sustenta.

A 1.ª Divisão AF Porto só vai arrancar a 11 de outubro. No entanto, o Varziela já tem o plantel praticamente definido. O treinador adianta que “18 jogadores” vão permanecer no clube. Estão contratados “cinco reforços” que serão anunciados oportunamente.

“Conseguimos reforçar com bons elementos. Fomos buscar um jogador à Divisão de Elite, dois à Divisão de Honra e outros dois já estavam nesta divisão”, deixa escapar, sem nunca revelar nomes.

 

 

Até agora, o Varziela oficializou apenas a renovação de contrato com o guarda-redes David Teixeira.

Filipe Coimbra antevê um campeonato “ainda mais difícil do que o da temporada anterior”, com “sete ou oito equipas” a discutir os lugares cimeiros da tabela classificativa. “E se nós pensarmos em viver à sombra do que fizemos no ano passado, será uma frustração muito grande”, adverte.

 

 

Apesar de achar que “ainda é cedo” para apontar candidatos à promoção, o técnico considera que “Livração, Várzea, Vila Boa do Bispo, Penamaior, Torrados ou até os recém-promovidos Nespereira e Águias de Figueiras” são clubes “a ater em conta”. “Pelo menos, por aquilo que eu oiço, estão a contratar para isso”, conclui.