GNR apreende em Paços de Ferreira 15.000 artigos desviados de massa insolvente

A Unidade de Ação Fiscal da GNR apreendeu em Paços de Ferreira mais de 15.000 artigos de vestuário desportivo de marca, no valor de 100.000 euros, desviados da massa insolvente de uma empresa do Porto, anunciou hoje a autoridade.

Da ação resultou também a apreensão de dois veículos pesados de mercadorias e a identificação de quatro homens, com idades compreendidas entre 20 e os 50 anos, pela suspeita da prática do crime de insolvência dolosa.

Os dados foram comunicados ao Departamento de Investigação e Ação Penal do Porto.

A operação policial decorreu na quarta e quinta-feira através do Destacamento de Ação Fiscal do Porto.

Segundo um comunicado da GNR, “após diligências de investigação, levantou-se a suspeita de estarem a ser efetuados dois transportes envolvendo infrações tributárias”.

Acrescenta-se que os militares se deslocaram a Paços de Ferreira e verificaram que “os bens estavam em circulação sem qualquer documento que demonstrasse a legal aquisição, detenção ou circulação da mercadoria”.

Posteriormente, assinala-se no comunicado, “verificou-se que a mercadoria pertencia à massa insolvente de uma empresa, cujos bens se encontravam num armazém da cidade do Porto, na posse do respetivo administrador de insolvência, tendo daí sido retirados ilegitimamente”.

APM // JGJ

Lusa/Fim