GNR identifica homem e apreende armas em processo de violência doméstica em Fafe

A GNR identificou hoje um homem, de 46 anos, e apreendeu diversas armas no âmbito de um processo de violência doméstica, no concelho de Fafe, distrito de Braga, anunciou esta força de segurança.

 

“Na sequência de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia reiteradamente violência física e psicológica sobre a vítima, sua companheira, de 45 anos, através de agressões físicas e ameaças de morte com recurso a armas de fogo”, explica o Comando Territorial de Braga da GNR, em comunicado.

A GNR conta que “o comportamento agressivo e os constantes episódios de violência causaram medo e insegurança na vítima, levando-a a temer pela própria vida”, acrescentando que, após as diligências policiais, “foi dado cumprimento a um mandado de busca domiciliária”.

Durante a busca, os militares da GNR apreenderam cinco armas de ar comprimido, três armas de caça, uma carabina, uma besta, um sabre, duas catanas, oito punhais, um ‘taser’ e duas navalhas dissimuladas em forma de munição.

Foram ainda apreendidas munições de diversos calibres e um saco de bolas de ‘airsoft’.

O suspeito foi constituído arguido e os factos remetidos para o Tribunal Judicial de Guimarães.

A missão esteve a cargo de militares da GNR do Posto Territorial de Fafe e do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Guimarães.

 

JGS // JAP

Lusa/Fim