Incêndios: Chamas lavram em zona de mato em Fafe sem casas em perigo

Um incêndio que lavra na localidade de Igreja, em Vila Cova, concelho de Fafe, desde as 08:30 de hoje, continuava ativo às 15:15 sem que haja habitações em risco, informou o comandante dos bombeiros locais.

 

Paulo Ferreira, que se encontrava no teatro de operações, assinalou que as chamas lavravam em zona de mato, longe de casas ou outras estruturas.

No local estão 42 operacionais e 12 viaturas das corporações de bombeiros de Fafe, Cabeceiras de Basto, Vieira do Minho, Póvoa do Lanhoso e Taipas, apoiados por um meio aéreo pesado.

Ao Tâmegasousa, sinalizou que o incêndio tem vindo “a ceder aos meios” de combate e que o foco principal das chamas está dominado.

A mudança de direção do vento tem complicado, por vezes, o combate às chamas, acrescentou.

O comandante acrescentou, por outro lado, que, nas últimas 24 horas, o concelho de Fafe teve uma “situação complicada”, com o registo de várias deflagrações.

Contudo, ressalvou, todas em zona de mato e longe de habitações.