Investigadores da UTAD transformam alunos de Felgueiras em chefs-cientistas

A iniciativa da UTAD/CITAB arranca às 11:00, com a presença de mais de 150 alunos, incluindo alunos do Curso de Restauração do estabelecimento

Lusa

 

A Escola Secundária de Felgueiras acolhe, na sexta-feira, a iniciativa de Gastronomia Molecular da UTAD/CITAB, que irá colocar os investigadores a transformar alunos em chefs-cientistas por um dia, anunciou fonte da organização.

“Lollipops de ananás e de tangerina e mel, Explosion de mangue en fil (esparguete de manga), Caviar de cores, Bombom Surprise Madame Curie e Xots de coca-cola e seven-up são a ementa a servir por investigadores da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e do Centro de Investigação e de Tecnologias Agroambientais e Biológicas (CITAB) aos alunos”, lê-se em comunicado.

É a primeira vez que os investigadores realizam uma sessão de Gastronomia Molecular fora da UTAD e as expetativas são elevadas.

“Queremos mostrar que a ciência alimentar é divertida e, neste caso, também é comestível. O desafio foi-nos lançado pela escola e esperamos que os alunos apreciem e repliquem em casa os resultados desta sessão de gastronomia molecular, que associa o know how do cozinheiro com o know why do cientista”, refere Ana Barros, docente e investigadora do CITAB, citada em comunicado.

A iniciativa da UTAD/CITAB arranca às 11:00, com a presença de mais de 150 alunos, incluindo alunos do Curso de Restauração do estabelecimento.