Júlio Faria renunciou ao mandato na Assembleia Municipal de Felgueiras

Segundo a fonte, a renúncia de Júlio Faria, que foi o cabeça-de-lista do PS à Assembleia Municipal nas últimas autárquicas e liderava a bancada naquele órgão, deveu-se a motivos de ordem pessoal

FOTO: Armindo Mendes

O antigo presidente da Câmara de Felgueiras, o socialista Júlio Faria, renunciou ao mandato de deputado municipal para o qual foi eleito em 2013, avançou hoje à Lusa fonte partidária.

Segundo a fonte, a renúncia de Júlio Faria, que foi o cabeça-de-lista do PS à Assembleia Municipal nas últimas autárquicas e liderava a bancada naquele órgão, deveu-se a motivos de ordem pessoal.

Com a saída do antigo presidente da câmara, a liderança da bancada passa a ser assumida por Hélder Quintela, que foi o segundo da lista socialista à Assembleia Municipal.

O PS foi a segunda força mais votada nas eleições autárquicas que deram a maioria absoluta à coligação “Manter a Esperança”, liderada pelo PSD.

Além de Hélder Quintela a nova direção da bancada dos socialistas é composta por Nuno Bragança e Ernesto Rodrigues.

O novo líder da bancada do PS tem sido um destacado interveniente nas sessões da Assembleia Municipal no atual mandato.

À Lusa, Hélder Quintela considerou hoje que “a bancada parlamentar do PS tem demonstrado que é possível fazer melhor e diferente relativamente ao rumo que tem vindo a ser seguido pelo atual executivo PSD”.

“Continuaremos a intervir, em perfeito alinhamento com os vereadores do PS no executivo, e com a comissão política local, deixando claras as nossas propostas alternativas e demonstrando as fragilidades de um executivo que não pensa Felgueiras”, acrescentou o deputado municipal.

Hélder Quintela agradece, por outro lado, a “forma competente e solidária como Júlio Faria cumpriu o seu mandato”.

“Depois de uma carreira notável na política autárquica, é louvável o compromisso e a nobreza como Júlio Faria assumiu o seu mandato de deputado da oposição”, considerou.

A Assembleia Municipal de Felgueiras reúne-se na sexta-feira em sessão ordinária.