Lousada: Concurso de Canto Lírico consagrou cantora italiana

A primeira edição do Concurso Internacional de Canto Lírico (CICLO), que decorreu na semana passada na Vila de Lousada consagrou três cantores líricos internacionais: Paola Leoci (soprano italiana), Inho Jeong (baixo sul-coreano) e Hélène Walter (soprano francesa).

 

O júri constituído por seis elementos, presidido pelo Maestro Cesário Costa, atribui ainda a Regina Freire o prémio de Melhor Intérprete Portuguesa e a Bernardo Pinhal o de Melhor Pianista Acompanhador. Os espectadores que assistiram à final que decorreu no Centro de Interpretação do Românico escolheram Sílvia Sequeira para o Prémio do Público.

Os vencedores do CICLO foram consagrados no Concerto de Laureados que decorreu na Casa da Música no Porto e que foi antecedido pela cerimónia de entrega de prémios.

Esta cerimónia contou com a presença de várias entidades parceiras do evento, entre as quais a Câmara Municipal de Lousada representada por Pedro Machado, Presidente de Câmara, e a Orquestra Clássica do Centro, através de Emília Martins, Diretora Artística.

“Vencedores receberam prémios monetários e convites para a próxima temporada de canto lírico”

Além dos prémios monetários, e tal como já tinha sido adiantado por Pedro Araújo, presidente da Associação de Cultura Musical de Lousada ao TâmegaSousa.pt, foi anunciado durante a entrega de prémios que alguns dos premiados terão oportunidade de integrar a programação de canto lírico de várias entidades de referência.

O Centro Cultural de Belém irá propor a Inho Jeong (segundo classificado) uma participação na programação da sua próxima temporada, enquanto Sílvia Sequeira (Prémio do Público) terá oportunidade de se apresentar na próxima temporada no Teatro Nacional de São Carlos. A melhor intérprete portuguesa, Regina Freire assinará um contrato para se apresentar na próxima temporada com uma orquestra portuguesa de referência.

CICLO ultrapassou as expectativas

Esta primeira edição do Concurso Internacional de Canto Lírico contou com 80 participantes oriundos de 20 países, tendo as eliminatórias, semifinal, e final decorrido em Lousada no Centro de Interpretação do Românico e o Concerto de Laureados na Casa da Música no Porto.

Além da vertente competitiva decorreram ainda masterclasses e workshops.

Segundo a organização a cargo da Associação de Cultura Musical de Lousada este evento “ultrapassou as estimativas mais optimistas, constituindo um enorme sucesso a nível artístico, bem como a nível turístico e económico.”