Manuel Pires demitiu-se da comissão política do PSD com críticas a Inácio Ribeiro

Manuel Pires, conhecido empresário da firma ‘Felraposo’ e militante do PSD/Felgueiras, apresentou a sua demissão da Comissão Política Concelhia, dizendo-se “descontente” e “desiludido” com a liderança de Inácio Ribeiro no partido e na câmara municipal.

Ao Expresso de Felgueiras, o social-democrata disse ter enviado a carta da demissão há algumas semanas e que, por isso, não vai apoiar Inácio Ribeiro se for o candidato do PSD nas eleições autárquicas deste ano.

“Há muito descontentamento nas pessoas. O nosso concelho está parado desde que Inácio Ribeiro é presidente”, considerou.

manuel pires raposo foto3

Manuel Pires tem sido um dos mais destacados apoiantes de Inácio Ribeiro. Nas autárquicas de 2009 e 2013 ficaram célebres os camiões que percorriam o concelho em campanha eleitoral e que, por vezes, transportavam os apoiantes, incluindo o presidente da Câmara.

camião nova esperança
Foi num dos seus veículos que a Nova Esperança festejou a vitória em 2009

Esses veículos, que davam um colorido especial às campanhas, foram disponibilizados pela empresa de transportes rodoviários de Manuel Pires.

Esse apoio, avisou, já não vai acontecer nas eleições deste ano, devido ao descontentamento que diz sentir em relação ao trabalho do presidente da câmara.

“Acreditei nele, pensei que ia mudar Felgueiras, mas ele não faz nada nem deixa fazer”, criticou.

“Dei a cara pelo presidente”

Manuel Pires foi um dos rostos mais visíveis das vitórias de 2009 e 2013, aparecendo quase sempre junto a Inácio Ribeiro e outras figuras do PSD local nas principais atividades de campanha.

“Dei a cara com o presidente e agora as pessoas descontentes falam comigo e queixam-se da câmara”, declarou o militante, admitindo “estar muito cansado” de ouvir reclamações, sobretudo de “empresários do concelho que se queixam das dificuldades que há para se fazer qualquer coisa”.

No primeiro mandato, explicou ao Expresso de Felgueiras, as pessoas ainda deram o “benefício da dúvida” a Inácio Ribeiro, “mas agora já deixaram de acreditar”.

Para Manuel Pires, um dos grandes problemas desta câmara é o facto de os processos de urbanismo estarem “praticamente parados”, o que impede o desenvolvimento num concelho conhecido pelo empreendedorismo dos seus empresários.

“É uma desilusão”

O militante do PSD lamenta que, dois mandatos depois, a câmara não tenha obras relevantes para mostrar à população.

“É uma desilusão!”, exclamou.

Nas últimas semanas, Manuel Pires é a quarta personalidade do PSD a tornar público o seu descontentamento com o rumo do partido no concelho e com a presidência de Inácio Ribeiro na Câmara.

Primeiro foi o ex-vereador e ex-diretor de campanha, Eduardo Teixeira, que também se demitiu da comissão política, seguiu-se a deputada municipal Graça Meireles, que anunciou ter renunciado ao cargo. Mais recentemente, foi o presidente da Junta de Airães, Vítor Vasconcelos, que criticou publicamente a câmara por ter adiado a revisão do PDM.