Para a história!

Passam hoje 40 anos de um momento histórico contemporâneo, de um marco democrático: a data em que se realizaram as primeiras eleições autárquicas, as autárquicas de 1976.

Esse foi um momento em que os portugueses, em que os felgueirenses puderam exprimir de forma livre e democrática a sua opinião, escolhendo para gerir os destinos das suas freguesias e dos seus concelhos aqueles que acreditavam poderiam servir melhor as populações, colocando-se ao serviço delas, e iniciando um processo de modernização de um país, até aí condenado a ser “Fado, Futebol e Fátima”, empobrecido, triste, desprovido de infraestruturas essenciais para o desenvolvimento económico e social!

A 12 de dezembro de 1976 os felgueirenses votaram maioritariamente no Partido Socialista, elegendo como Presidente de Câmara o Dr. Machado de Matos, figura carismática e incontornável na história moderna do concelho de Felgueiras.

Nessas autárquicas, em Felgueiras a abstenção foi de 29,99%, e para a Câmara Municipal o PS obteve 35,25% (3 eleitos), o PSD 31,39% (e eleitos), o CDS 22,58% (2 eleitos) e a FEPU 6,64%.

No país, e tal como consta de um documento da Comissão Nacional de Eleições, “por diversos factores, tal acto não foi integral, havendo necessidade de se repetirem algumas eleições bem como realizá-las pela primeira vez para certo número de assembleias de freguesia, em datas bastante posteriores, ocasionando atraso na remessa das contas à Comissão Nacional das Eleições. “ e concorreram: C.D.S.; F.E.P.U.; G.D.U.P(S); /M.U.P.; M.R.P.P./P.C.T.P; P.C.P.(M-L); P.P.D./P.S.D.; P.S.; P.D.C.; P.P.M.; L.C.I.; e P.R.T. 1.3.1, e ainda 466 grupos de cidadãos eleitores para as eleições para as Assembleias de Freguesia.

Hoje o país e o concelho estão muito diferentes, para melhor, muito melhor. Mas numa época em o Presidente da Associação Nacional de Municípios (Manuel Machado) afirma que as autarquias têm que mudar o foco das infraestruturas para a criação de emprego, no apoio às empresas, na criação de riqueza que seja socialmente útil,  em Felgueiras ainda continua a ser necessário investimento forte em infraestruturas tão necessárias e adiadas, ao mesmo tempo que é necessário resolver problemas relacionados com a organização da indústria, da agilização das dinâmicas de gestão municipal para um melhor relacionamento dos munícipes com a autarquia!