Rali Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas tem 73 pilotos inscritos

A prova de abertura dos Campeonatos Europeu (ERC) e Português (CPR) de ralis bate em 2022 o recorde de inscritos dos últimos anos, com 73 equipas inscritas para o rali que percorrerá 8 classificativas em ronda dupla, dos concelhos de Fafe, Felgueiras, Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto e Boticas.

 

O programa competitivo inicia-se na próxima sexta-feira (11 de março) à noite com a disputa de uma Super Especial nas ruas do centro da cidade de Fafe. Hoje é dia de testes oficiais e amanhã (quinta.feira) os pilotos efetuarão os reconhecimentos das 8 classificativas que serão utilizadas no rali.

No sábado, 12 de março, serão percorridas as classificativas de Boticas, Cabeceiras de Basto, Vieira do Minho e Luílhas, e no domingo, Montim, Seixoso, Santa Quitéria e Fafe-Lameirinha.

 

Portugueses são candidatos à vitória

 

Em termos competitivos espera-se uma grande espetacularidade e luta renhida ao cronómetro, sendo que os pilotos portugueses na prova são candidatos à vitória, tal como tem sido notório nas edições transactas.

Do contingente nacional de participantes nesta prova, os principais candidatos a subir aos lugares mais altos da classificação geral serão as duplas da equipa Hyundai, Bruno Magalhães/Carlos Magalhães e Ricardo Teodósio/José Teixeira em Hyundai i20N Rally2, o ex-campeão nacional Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia Rally2 Evo) e a dupla da Citroen José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroen C3 Rally2).

 

Edição comemorativa

O Rally Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas comemora em 2022 a 35.ª edição, numa história que se iniciou em 1988 quando Carlos Bica em Lancia Delta HF 4WD venceu o então denominado Rally do Porto. No entanto, no quadro de vencedores da prova o mais vitorioso é Fernando Peres.

 

Hélder Quintela