Rescaldo da 2.ª jornada da Divisão Elite AF Porto (C/ÁUDIO)

A vitória esclarecedora do FC Lixa, por 4-0, na receção ao Alfenense, é a nota de maior destaque da 2ª jornada da série 3 da Divisão de Elite da Associação de Futebol do Porto (AFP). Na série 4, a goleada (11-0) do Rebordosa ao Felgueiras B é o que mais sobressai da ronda.

 

O FC Lixa conquistou o primeiro triunfo da temporada. No Estádio Senhor do Amparo, a equipa azul e branca bateu o estreante Alfenense com quatro golos sem resposta. Contudo, o técnico Hélder Silva garante que o resultado até podia ter sido mais desnivelado.

“O resultado não traduz o que foi o jogo, porque se traduzisse eram sete ou oito. Tenho de enaltecer os meus jogadores, que foram incríveis na atitude, na abordagem, tanto na organização com bola como sem bola. O resultado diz tudo”, vincou.

 

 

Rui Cunha, treinador do Alfenense, reconheceu que a equipa não esteve ao nível pretendido no duelo com o FC Lixa.

“A equipa não saiu do aquecimento. Aquecemos, demos a palestra e acabou aí o jogo. Não subimos para o relvado e não tivemos uma atitude competitiva para ombrear com um Lixa forte. Temos de pensar rapidamente nesta forma de estar em campo porque senão vamos ter mais dissabores e será muito difícil manter a equipa nesta divisão”, alertou.

 

 

O Alfenense continua sem pontuar e caiu para o fundo de uma tabela liderada pelo Ermesinde que, no dérbi de Valongo, foi vencer a Sobrado, por 2-0.

Alpendorada e Vilarinho, que se vão defrontar na próxima jornada, partilham a segunda posição, com 4 pontos.

O emblema de Marco de Canaveses empatou (1-1) em Barrosas, enquanto a formação de Santo Tirso cedeu uma igualdade caseira (2-2) ante o Aliança de Gandra.

Na série 4, o Rebordosa “cilindrou” o Felgueiras B, por 11-0. Um resultado que, na opinião do técnico Arlindo Gomes, “acaba por espelhar a diferença de valor entre as duas equipas”.

 

 

A formação azul grená sofreu a segunda goleada consecutiva. Na semana passada já tinha perdido, por 7-0, na receção ao Sousense. Apesar do mau arranque, o treinador Daniel Teixeira assegura que, no futuro, “a equipa vai evoluir e ser mais forte”.

 

 

Com a goleada imposta ao Felgueiras B, o Rebordosa assumiu a liderança da competição, mas com os mesmos 6 pontos de Freamunde, Aliados de Lordelo e Sousense, que venceram os respetivos jogos caseiros.

A equipa de Pedro Machado bateu o rival Lousada, por 3-0. A formação de Armando Santos superiorizou-se ao Marco-09, por 2-0. E o conjunto de Gondomar levou a melhor (3-1) sobre o Águias de Eiriz.

Na Vila Mítica, Aparecida e Vila Caiz empataram a zero.