Sete doces tradicionais do Tâmega e Sousa continuam na corrida às “7 Maravilhas”

Sete doces tradicionais da região do Tâmega e Sousa fazem parte dos 140 finalistas das 7 Maravilhas Doces de Portugal, integrando a lista dos sete doces por distrito.

Passaram à segunda fase do concurso o Leite Creme Queimado e o Sarrabulho Doce, do concelho de Lousada.

 

Leite Creme Queimado - Lousada
Leite Creme Queimado – Lousada

 

Sarrabulho Doce - Lousada
Sarrabulho Doce – Lousada

 

De Felgueiras, mantêm-se na corrida as Cavacas de Margaride e o Pão de Ló de Margaride.

 

Cavacas de Margaride - Felgueiras
Cavacas de Margaride – Felgueiras

 

O Biscoito da Teixeira, do concelho de Baião, também será votado pelo público, assim como as Cavacas de Resende.

 

Biscoito da Teixeira - Baião
Biscoito da Teixeira – Baião

 

Cavacas de Resende
Cavacas de Resende

 

De Castelo de Paiva, seguem em frente a sopa seca com favo e gelado de mel.

 

Sopa Seca com Favo de Mel - Castelo de Paiva
Sopa Seca com Favo de Mel – Castelo de Paiva

 

Pelo caminho, ficaram os Beijinhos de Amor, de Lousada, o Gelado de Vinho Verde, de Castelo de Paiva, e o Bolo Rei, de Amarante.

Candidataram-se ao concurso 7 Maravilhas Doces de Portugal 907 doces, tendo sido apurados 420, selecionados por um painel de 140 de especialistas, composto por sete elementos por distrito ou região autónoma.

A lista de 21 doces por distrito passou agora a sete candidatos por distrito.

As 140 finalistas por distritos e regiões autónomas, são apresentadas para votação pública a partir de julho de 2019, ao longo de 10 semanas consecutivas na RTP1, em que serão realizados 20 programas em direto.