Torrados vai regressar a casa na nova temporada [C/ÁUDIO]

O Torrados nunca jogou em casa própria desde que compete nos campeonatos AF Porto. Uma situação que vai mudar. A última fase da intervenção no seu estádio deve estar concluída antes do arranque da nova época.

 

Está a decorrer a última fase das obras no Parque Desportivo de Torrados. A empreitada contempla “arranjos exteriores, parque de estacionamento, muro de suporte, vedações, iluminação, colocação de piso sintético e uma bancada”, revela o presidente Mário Silva.

“O resto já está pronto. Os balneários estão prontos, só falta mesmo o campo”, adianta.

 

 

O investimento, de quase 547 mil euros, é suportado pela Câmara Municipal de Felgueiras, e tem um prazo de execução de 120 dias.

Mário Silva acredita que a intervenção estará concluída antes do arranque da nova época. “Eu penso que em setembro as obras estarão prontas. Não posso dizê-lo com certeza absoluta, mas acredito que sim”.

 

Campo do Torrados - felgueiras 2

 

O presidente do Torrados lembra que o clube não joga na freguesia há cerca de 15 anos e que “é o único clube de Felgueiras, a jogar federado, que não tem campo”. Nas últimas temporadas, a equipa principal, que disputa a 1ª Divisão AF Porto, tem atuado em Regilde.

 

 

“Nós agora vamos ter campo porque nunca desistimos. É um esforço dos diretores, dos jogadores, dos treinadores que passaram no clube e dos nossos adeptos, que nunca nos abandonaram. Porque se o futebol acabasse aqui, de certeza que não haveria campo”, sustenta.

O dirigente reconhece que com as novas infraestruturas será também mais fácil “recrutar e aliciar atletas para representar o Torrados”. “Há certos jogadores que não conseguíamos cativar porque não tínhamos condições, o que é perfeitamente normal”.

 

 

Mário Silva vai recandidatar-se à presidência do Torrados na Assembleia-Geral eleitoral do clube agendada para o próximo dia 26. Ainda assim, admite que já começou a alinhavar a nova época e não exclui a possibilidade de lutar pela subida à Divisão de Honra.

“Desde que iniciamos a nossa caminhada nos campeonatos distritais que entrámos em todos os jogos para ganhar. Agora, jogando em casa e tendo o público do nosso lado, acho que vai ser ainda complicado ganhar ao Torrados”, conclui.