Tribunal de Contas aprova relvado sintético no Campo de Jogos da Lixa

A reabilitação da Zona Desportiva da Lixa, construção de balneários e instalação de relvado sintético, implica um investimento que ronda um milhão de euros

O Tribunal de Contas visou o processo de colocação do relvado sintético na Zona Desportiva da Lixa, dando luz verde à Câmara de Felgueiras e ao Futebol Clube da Lixa para avançarem com a empreitada, revelou fonte da autarquia.
“O visto do Tribunal de Contas é o culminar de uma longa luta que temos vindo a travar, de forma determinada, para que a população da Lixa tenha um Parque de Jogos que reúna todas as condições e a sua população possa desfrutar dele”, frisou o presidente da câmara, Inácio Ribeiro, citado em comunicado.

Está a decorrer a segunda fase das obras de construção dos balneários do campo de jogos da Lixa, que irá dotar o parque desportivo das infraestruturas necessárias para a prática desportiva.
O edifício está a ser dotado de quatro balneários, equipados de instalações sanitárias e seis duches, dois balneários para equipas de arbitragem, que permitam a realização de jogos oficiais consecutivos, duas arrecadações, uma sala de reuniões, um gabinete médico e casa das máquinas.
A estrutura do edifício está dimensionada para poder ser dotada de bancadas sobre os balneários e sanitários para o público.

A reabilitação da Zona Desportiva da Lixa, construção de balneários e instalação de relvado sintético, implica um investimento que ronda um milhão de euros e insere-se no Plano de Desenvolvimento Desportivo Municipal, que prevê dotar os equipamentos de melhores condições para as diversas atividades desportivas.