Vendas da Cooperativa de Felgueiras para a Ucrânia “evaporaram-se” – dirigente

O presidente da Cooperativa Agrícola de Felgueiras, um dos maiores exportadores de vinho verde, disse hoje que as vendas para a Ucrânia “evaporaram-se” e para a Rússia terão uma quebra de 50%.

 

A instituição estava com uma exportação de cerca de 300 mil garrafas por ano para a Ucrânia, mas após o início do conflito armado as vendas para aquele país desapareceram, reforçou Casimiro Alves.

O mercado russo, para onde a cooperativa exporta perto de um milhão de garrafas, prosseguiu o dirigente, está também em “forte queda”, com a expectativa de um recuo de exportações para aquele país de cerca de 50%.

“Neste momento, a Rússia era o nosso melhor mercado. Mas ainda estamos no início do ano [de produção], esperamos que ainda haja tempo para recuperar”, rematou.

A maior fatia de produção de vinho da Cooperativa de Felgueiras tem habitualmente como destino os mercados da Rússia, Estados Unidos, Brasil, Japão, Ucrânia, França e Alemanha.